Fernando de Noronha – Um novo point para o pôr-do-sol

postado por Marcelle Ribeiro em 01/11/2013 - Atualizado em: 16/04/2017
Compartilhar este artigo:

Fernando de Noronha tem um novo point para quem quer ver o pôr-do-sol: é o transadíssimo restaurante Mergulhão, que fica no porto.

Minha mãe esteve lá há três semanas e gostou mais de ver o sol se pôr lá que no Mirante do Boldró, um local da ilha para onde todo mundo vai no fim do dia. No Boldró há uma bar com mesinhas e música. Eu estive lá com minha mãe em 2006, e lembro que adorei o lugar.

Mas minha mãe disse que o Boldró já não está tão legal para quem vai procurando a estrutura do bar. Ela preferiu o restaurante Mergulhão, que tem mesas e pufes com toldos bonitos e uma comida maravilhosa, disse. Mas, como tudo em Noronha, os preços são salgados. Um peixe crocante com purê de abóbora para uma pessoa custou R$ 60. Com vinho, prato principal e sobremesa (petit gateau!), a conta saiu R$ 100 por pessoa. Eles também servem petiscos, carnes, massas e risotos.

Restaurante Mergulhão. Foto: Divulgação

Restaurante Mergulhão. Foto: Reprodução de cartão postal.

O cafezinho é coado na hora, na frente do cliente, num coador vintage e servido com copinho de doce de leite, um mimo.

Então, para um pôr-do-sol mais romântico e exclusivo, fica a dica: Restaurante Mergulhão.

 

Restaurante Mergulhão – Endereço: Praça do Porto de Fernando de Noronha. Horário de funcionamento: de segunda a sábado. das 12h às 23h. Site: www.mergulhaonoronha.com.br

 

Reserve sua hospedagem em Fernando de Noronha pelo Booking clicando aqui e ajude o blog a ganhar uma pequena comissão sem pagar nada a mais! (saiba como funciona essa parceria aqui)

 

Leia também:

Fernando de Noronha: como é o passeio do ilha tour

Dicas de passeios incríveis em Fernando de Noronha

Fernando de Noronha (PE) – Quando ir, onde ficar e como se locomover

Índice de posts sobre Fernando de Noronha

Compartilhar este artigo:
Publicado por Marcelle Ribeiro

Jornalista, baiana, mas há mais de 20 anos moradora do Rio de Janeiro. Nos seus mais de 30 anos de vida, já viajou sozinha e acompanhada. Casada com o Guilherme, petlover e viciada em pesquisar novos destinos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *