Como eu escolho a próxima viagem

postado por Marcelle Ribeiro em 22/09/2011 - Atualizado em: 31/01/2014
Compartilhar este artigo:

Eu já devo ter dito aqui que não posso ter uns diazinhos de folga que quero viajar. Pois bem. Ainda tenho umas folgas para tirar no trabalho, e meu marido recentemente descolou dois dias de folga. Ou seja, poderemos juntar esses dois dias a um fim de semana e voilà! Vai dar para viajar por 4 dias até o fim do ano!

Mas, para onde eu vou?

Atualmente, vários critérios têm que ser equilibrados na minha decisão.

Primeiro: money, que é good, nóis tá com pouco. Ainda tô pagando as despesas da última viagem (à Chapada Diamantina, no início de agosto) no cartão, parcelado.

Segundo: desde que começaram a me perturbar para ter filho, eu sempre penso que antes de engravidar, tenho que conhecer os lugares que são difíceis de levar bebê, seu um dia eu resolver ter um. Não me matem, amigas com filhos. Eu sei que tem lugares em que é possível levar crianças. Mas tem outros que não faz o menor sentido. Eu quero ir para a África, para a Tailândia, para a Rússia, para a Turquia e nada me tira da cabeça que deve ser bem mais divertido ir sem bebê para esses lugares. O que uma criança vai fazer lá? O que eu vou (provavelmente) deixar de fazer nesses lugares se estiver com criança à tiracolo? Tudo isso pesa na balança.

Por isso, tenho colocado no topo da lista de lugares a visitar as cidades mais “difíceis”, por assim dizer. A Chapada Diamantina, por exemplo, era um destino que eu já queria conhecer há séculos, e que é inviável com criança. Que bom que pude ir esse ano, ainda mais que estava bem de forma física, não morri de esforço para fazer nada!
E no final da lista, estão ficando as praias mais acessíveis, porque acho que levar criança para passar férias na praia não deve ser tão difícil assim, né? (ou é?)

Terceiro: Eu e meu marido sempre damos preferência a lugares que nós dois não conhecemos, para evitar que um vá repetir uma cidade já conhecida. Claro, nem sempre é possível.

Quarto: Eu sempre tento ir numa cidade em que, com a quantidade de dias que eu tenho para conhecê-la, eu consiga esgotá-la. Ou seja, se para conhecer a Chapada Diamantina eu acho que preciso de uma semana, eu não vou para lá a não ser que tenha uma semana para ficar lá. Porque eu me conheço, e sei que é difícil voltar num lugar que eu já tenha ido, mesmo tendo faltado algumas atrações para conhecer.

Por tudo isso, escolher o próximo destino para esses 4 dias de folga tá difícil. Ainda nem tenho certeza dos dias exatos em que poderemos viajar, mas já tô aqui queimando os neurônios…

Florianópolis eu sempre quis conhecer, mas tá mais caro do que podemos pagar no momento, e tenho a impressão que a cidade merece mais do que 4 dias, até porque tem praias vizinhas à capital que também quero visitar.

Buenos Aires dá para visitar em quatro dias (eu, na verdade, já conheço, mas meu marido não), mas também tá carinho (eu não quero me hospedar no Centro), mesmo com milhas.

Em São Paulo, queremos conhecer Ilhabela, mas também não é barato (teremos que alugar carro), apesar de ser mais em conta que Floripa e Buenos Aires. Até vendo a possibilidade de acampar lá eu tô vendo, imaginem! Já acampei e curti, mas para o maridão esse é um novo mundo e ele não tá exatamente a fim de experimentar.

Ai, ai…

Alguém tem uma dica para me dar aí?

Compartilhar este artigo:
Publicado por Marcelle Ribeiro

Jornalista, baiana, mas há mais de 20 anos moradora do Rio de Janeiro. Nos seus mais de 30 anos de vida, já viajou sozinha e acompanhada. Casada com o Guilherme, petlover e viciada em pesquisar novos destinos.

Comentários

  1. Érika Amaral
    01 jun 2016

    Olá, você já foi a Inhotim? Vale muito a pena! É pertinho de BH, fiquei hospedada lá e fui de carro alugado pra lá!!! E depois fui para as cidades históricas de Minas Gerais que são d+ mas como vc só teria 4 dias vc poderia fazer só Inhotim e Ouro Preto. Abraço e muito obrigada pelas dicas que vc coloca no site, as do sul da Itália para mim foram as melhores mas sempre consulto suas dicas antes de viajar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *