Dicas gerais de Bonito (MS) – onde ficar, comer e como circular

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 10/04/2019
Compartilhar este artigo:

Pessoal,
Para fechar a série de posts sobre Bonito (MS), resolvi fazer um com dicas gerais da cidade, hospedagem, restaurantes e etc.
Aí vai:

Chegando e circulando em Bonito

Quando eu fui há Bonito, há sete anos, fui de avião do Rio até Campo Grande, usando milhas e combinei com uma agência de Bonito para nos buscar lá no aeroporto e nos trazer para Bonito, em um carro deles. Foi muito confortável, mas esse deve ser um dos jeitos mais caros de se chegar lá.

A gente não alugou carro, fez todos os passeios com o carro da agência. A Paula Toscano, minha amiga que esteve lá em julho desse ano, já estava em Campo Grande visitando a família e foi de carro para Bonito. São cerca de 300 km, que você faz em 3 horas de viagem, de asfalto bom e sem pedágio. O engraçado é que às vezes você tem que parar na estrada para deixar os animais atravessarem (cobras, tamanduá bandeira…)

Procurando hotel? O Booking tem opções para todos os bolsos. Reserve por esse link, que tem o meu código, e ajude o blog.

Todas as atrações turísticas ficam fora da cidade ou em bairros distantes do Centro. Por isso, você vai precisar de carro (seu ou da agência). A Paula, que foi de carro próprio, disse que não é difícil chegar nas atrações turísticas não. Com um mapa simples da cidade, ela se achou sem problemas.

“Acho que a melhor coisa em Bonito para se sentir livre e para gastar menos dinheiro é alugar um carro em Campo Grande”, diz a minha amiga. As estradas para as atrações são de terra, mas um Honda Civic aguentou bem.

Eu, meu irmão e minha mãe em Bonito. Foto: Guia.

O comércio e quase todos os restaurantes estão numa rua do Centro da cidade: a Coronel Pila  Rebuá. Por isso, é entorno dela que ficam também grande parte das pousadas.

DESCONTO DE 5% no Esquenta Black Friday para aluguel de carro na Rentcars, com o cupom NOVEMBER. Vale até 30/11, com retirada do carro até 31/12! Compare preços de várias locadoras!

Agências em Bonito

Quase todos os passeios que podem ser feitos em Bonito são de atrações que ficam dentro de fazendas particulares. Ou seja, quase tudo é pago (eu digo “quase” porque não tenho certeza que tudo é pago. Mas todos os passeios que fiz lá foram pagos). E, por isso, você não vai conseguir fugir das agências de viagem para comprar os passeios. Eu não me lembro mais qual agência usei.

Acho que foi a Agência AR, mas não tenho certeza. Eu me lembro que escolhi pela internet, antes de viajar para lá. Mas no Centro de Bonito, tem uma agência do lado da outra.

A Paula Toscano contratou uma agência que NÃO recomenda, a Abaetecotour (nem vou dar o link aqui, porque afinal, esta a gente não recomenda). A Paula foi atendida por uma funcionária de lá despreparada, que não sabia explicar direito os passeios e nem que um deles já estava incluído em outro.

Onde ficar em Bonito

A Paula indica o hotel em que ela ficou, o Hotel Praia Parque, que ela classifica como “bomzinho”. Bem simples, para quem está mais interessado em curtir os passeios do que ficar na pousada. Custou R$ 40 por noite por pessoa, era limpo e a piscina era OK. Fica bem no começo da rua principal da cidade, a Pilad Rebuá. Mas para ir da pousada para os restaurantes jantar, ela ia de carro, pois a pé levaria uns 20 minutos e tava frio.

Onde comer em Bonito

A dica da Paula para quem quer economizar e comer uma comida boa, mas simples, é o “Sabor da Casa”, restaurante que fica na Rua Pilad Rebuá, no Centro de Bonito. Ela disse que o pessoal que mora lá é que costuma ir. É buffet (com 8 tipos de saladas e 8 tipos de pratos quentes), a R$ 12 por pessoa, no esquema “coma o quanto quiser”. No jantar eles servem pizzas e pratos executivos.
Eu me lembro de ter jantado no bar Taboa, que faz a própria cachaça. A comida era gostosa e eles têm mesinhas na calçada, o que torna o ambiente agradável. Fica na Rua Cel. Pilad Rebuá, 1837, no Centro.

 

De Bonito pra onde?

Se você quer aproveitar a passagem para a região de Bonito e adora bichos, dá para fazer um  bate-volta a uma das fazendas no Pantanal. A Denise, do blog Chicas Lokas, aproveitou a viagem para Bonito para fazer um passeio de chalana e um safári ecológico em uma fazenda na cidade de Miranda, onde viu até jacaré!

 

VEJA OUTROS POSTS SOBRE BONITO

 

 

Compartilhar este artigo:

Comentários

  1. Gisele
    15 nov 2011

    Olá!
    Muito obrigada pelas dicas. So fiquei com uma duvida. Sua amiga Paula disse q vale mais a pena alugar um carro em Campo Grande. Eu acho que vou fazer isso, mas quero ir depois para o Pantanal. Será que consigo em sem problema de Bonito para o Pantanal?Chego em Bonito dia 29 de dez, ou seja, época das chuvas. Corro o risco de atolar o carro no caminho para o pantanal e ficar na roubada? O que vc acha q devo fazer?
    abs,
    Gisele

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *