Fernando de Noronha – Trilha e piscinas naturais dos Abreus

postado por Marcelle Ribeiro em 26/11/2013 - Atualizado em: 16/04/2017
Compartilhar este artigo:

Desde que fui em Fernando de Noronha, em 2006, a ilha ganhou uma nova trilha que merece ser conhecida. É a trilha da enseada dos Abreus, que pelo que li, foi recuperada em 2012. Minha mãe esteve lá há três semanas e adorou fazer esse percurso que propicia uma bela vista para o mar e banho em piscinas naturais.

Piscina natural de Abreus. Foto: Fernando Castro

Piscina natural de Abreus. Foto: Fernando Castro

Trilha dos Abreus. Na foto, o guia Mestre Cueca. Foto: Adelia Ribeiro

Trilha dos Abreus. Na foto, o guia Mestre Cueca. Foto: Adelia Ribeiro

Visual da trilha do Abreu, em Fernando de Noronha. Foto: Adelia Ribeiro

Visual da trilha do Abreu, em Fernando de Noronha. Foto: Adelia Ribeiro

Minha mãe diz que foi orientada a fazer a trilha dos Abreus com guia, mas ela acha que dá para ir sem guia mesmo, pois a trilha, que começa na praia do Sueste, é fácil. Numa escala de dificuldade que varia de zero a 10, a trilha é grau 5 (para quem faz exercícios físicos com alguma frequência). O trajeto tem um pedaço curto de descida pelas pedras, e, por isso, não é recomendável para quem tem limitações de locomoção.

É um percurso curto. Você leva uns 20 minutos andando até chegar às piscinas naturais dos Abreus, onde pode tomar banho (uma delas não dá pé, mas as demais são mais rasas). Não é, no entanto, um lugar para quem quer se espichar para tomar sol, pois não há faixa de areia no local. O passeio custou R$ 50 por pessoa, incluindo guia (chamado Mestre Cueca, que é professor de capoeira e guia de turismo em Noronha) e transporte ida e volta entre o hotel e o início da trilha.

 

Reserve sua hospedagem em Fernando de Noronha pelo Booking clicando aqui e ajude o blog a ganhar uma pequena comissão sem pagar nada a mais! (saiba como funciona essa parceria aqui)

 

Leia também:

Fernando de Noronha: como é o passeio do ilha tour

Fernando de Noronha (PE) – Quando ir, onde ficar e como se locomover

Índice de posts sobre Fernando de Noronha

Compartilhar este artigo:
Publicado por Marcelle Ribeiro

Jornalista, baiana, mas há mais de 20 anos moradora do Rio de Janeiro. Nos seus mais de 30 anos de vida, já viajou sozinha e acompanhada. Casada com o Guilherme, petlover e viciada em pesquisar novos destinos.

Comentários

  1. Bruno
    04 dez 2013

    Fui para Noronha esse ano e não ouvi falar dessa trilha. Esta anotada para o ano que vem.

    O Fato dos guias deve ser para saber como esta a maré, se ela estiver alta deve ser um lugar perigoso.

    Mas gostei da idéia e na minha volta (ano que vem) já esta no mesmo dia do passeio no Sueste.

  2. Monique Garcia
    21 set 2015

    Você teria o contato deste guia?

    Att.,

    • 23 set 2015

      Oi, Monique, infelizmente não tenho. Pergunte na sua pousada pelo contato do guia Mestre Cueca, eles devem ter. Abraço,

  3. Monize Rodrigues
    02 out 2015

    Boa tarde!

    Eu estive em Noronha em setembro. Para fazer essa trilha, é necessário o agendamento e não precisa de guia. Infelizmente não consegui fazer, devido ao limitado número de pessoas.

  4. Cristiane Aguiar
    08 jan 2016

    Estive em FN em setembro/2015. Fiz essa trilha sem guia, com agendamento no ICMBIO. A Trilha é bem tranquila, mas a descida para a piscina é bem precária. Necessário se segurar em uma corda.

  5. Suelen
    07 jun 2016

    Oi… Tudo bem? Você não tem mais fotos de lá? Vou fazer ela no sábado. Queria conhecer antes de ir. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *