O que fazer em Aiuruoca MG, quando e como ir: Veja o miniguia

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 05/04/2022

Aiuruoca (MG), no Sul de Minas Gerais, tem cachoeiras lindas, de até 120 m de altura, e muitas vezes com trilhas fáceis. Além disso, tem as montanhas da Serra da Mantiqueira e clima de cidade do interior, já que são apenas 6 mil habitantes. Tem muito mais o que fazer em Aiuruoca do que você provavelmente imagina, sabia? Neste post eu explico e te dou todas as dicas desse destino! Confira abaixo o índice!

Onde fica Aiuruoca (MG)
Quando ir
Como chegar
O que fazer de dia
O que fazer à noite em Aiuruoca
Quanto tempo ficar
Roteiro em Aiuruoca (MG)
O que fazer com chuva em Aiuruoca
Onde se hospedar

Onde fica Aiuruoca MG

Antes de saber o que fazer em Aiuruoca, você precisa saber que esta cidade fica no Sul de Minas Gerais, perto da divisa com o Rio de Janeiro. Segue um quadro de distâncias:

  • Belo Horizonte x Aiuruoca: 366 Km (5h45 de carro);
  • Rio de Janeiro x Aiuruoca: 287 Km (4h50 de carro);
  • São Paulo x Aiuruoca: 358 Km (5h15 de carro).

Aiuruoca fica perto de qual cidade? Dessas abaixo:

  • A partir de Baependi (MG) são 39 Km (40min de carro);
  • De Caxambu (MG) são 44 Km (40min de carro);
  • De São Loureço (MG) são 71 Km (1h10 de carro);
  • Desde Carrancas (MG) são 110 Km (2h20 de carro);
  • A partir de Itatiaia (RJ) são 152 Km (2h45 de carro);

AIURUOCA Quando ir

Mais importante do que decidir o que fazer em Aiuruoca é escolher bem quando ir, porque a chance de a chuva e a lama da estrada estragarem sua viagem é real. O verão, quando o clima está mais quente e mais propício para entrar nas águas geladíssimas das cachoeiras de Aiuruoca, é justamente quando chove muito.

Para ir a todas as atrações você precisará pegar estradas de terra. Com tempo seco, elas já são bem esburacadas, mas ainda possíveis para carros sem tração 4×4. Contudo, em períodos chuvosos, as estradas pioram muito, e só ficam transitáveis para carros 4×4.

Portanto, evite ir nos meses de outubro a março, que são os mais chuvosos. Eu fui no início de novembro, mas apenas porque decidi que ia viajar com pouca antecedência, quando já era possível ver nos sites de previsão de tempo que meus dias em Aiuruoca seriam ensolarados. Cheguei após 3 dias seguidos de sol e as estradas estavam transitáveis para o meu carro 1.6 e alto (um Jeep), mas que não era 4×4.

O melhor mês para ir a Aiuruoca é abril,  porque chove pouco e a temperatura ainda está agradável (mínima de 15ºC e máxima de 24ºC).  De maio a agosto também chove pouco, mas a temperatura máxima não passa dos 22ºC e a mínima fica em 10ºC.

Veja como é historicamente o tempo em Aiuruoca a cada mês no site da Climatempo.

cachoeira dos garcias o que fazer em aiuruoca mg

Cachoeira dos Garcias é atração famosa em Aiuruca MG. Foto: Marcelle Ribeiro.

AIURUOCA Como chegar

E como chegar a Aiuruoca? Em primeiro lugar preciso dizer que não há aeroporto em Aiuruoca. O mais próximo fica em Juiz de Fora (MG), a 180 Km (cerca de 3h de carro).

Passagens com desconto

Quer desconto? Não se esqueça de olhar passagem aérea nos sites MaxMilhas e Passagens Promo. Recomendamos ler também: “Passagens Promo é confiável?” e “MaxMilhas é confiável?”.

Em segundo lugar, é importante saber que quem vai de carro aproveita mais. É que as cachoeiras de Aiuruoca ficam meio espalhadas pela região e distantes do centro da cidade. Além disso, boa parte das pousadas e restaurantes em Aiuruoca não fica no centro, e sim em vales distantes da região central.

Além disso, não vi transporte público ou sequer táxis quando estive por lá. Se você for sem carro, terá que contratar as poucas agências de passeio em Aiuruoca para poder conhecer as atrações.

Eu sempre alugo carro na Rentcars, site que reúne várias locadoras de carro em todo o país, e consigo bons preços.

Ônibus para Aiuruoca desde o Rio de Janeiro

Não tem ônibus direto. Uma das opções é pegar um ônibus do Rio de Janeiro para Juiz de Fora (de R$ 39 a R$ 80 por trecho, 3h de viagem) e, logo após, um outro de Juiz de Fora para Aiuruoca (R$ 72 por trecho, 3h de viagem).

Além disso, há outra opção. Você pode ir da cidade do Rio até Caxambu (R$ 77 por trecho, 5h30 de viagem) e, em seguida, de Caxambu até Aiuruoca (R$ 21 por trecho, 1h de viagem).

Ônibus pra Aiuruoca saindo de Belo Horizonte

Você pode pegar um ônibus de BH para Caxambu (R$ 139 e 5h40 cada trecho) e, depois disso, um ônibus de Caxambu até Aiuruoca (R$ 21 por trecho, 1h de viagem).

Ônibus para Aiuruoca a partir de São Paulo

Em primeiro lugar, vá de São Paulo a Caxambu (R$ 110 e 6h30 cada trecho). Na sequência, pegue um ônibus de Caxambu até Aiuruoca (R$ 21 por trecho, 1h de viagem).

O que fazer em Aiuruoca – Minas Gerais

As cachoeiras são a principal atração da cidade, mas também há montanhas para trekking e alguns outros pontos turísticos charmosinhos que valem a pena. Entretanto, ao decidir o que fazer em Aiuruoca é importante saber que as atrações da cidade ficam espalhadas nas regiões abaixo:

  • Vale dos Garcias
  • Vale do Matutu
  • Centro
  • Estrada para a cidade de Alagoa

Como as estradas são de terra (e muitas vezes elas não estão boas), o ideal é que você monte seu roteiro de forma a conhecer atrações em 1 região por dia, como explicarei mais abaixo.

Ah, uma dica que vale para todas as cachoeiras em Aiuruoca (MG): todas elas têm águas geladíssimas, mesmo em dias quentes e de sol. Eu fui em novembro, estava sol, e mesmo assim achei elas mais geladas do que outras que já fui em Minas ou no Rio de Janeiro.

Mapa de Aiuruoca MG

É importante dar uma olhada abaixo neste mapa de Aiuruoca que eu fiz.

O ponto preto é o Centro de Aiuruoca. Os pins rosas são no Vale dos Garcias. Por sua vez, os pins roxos são atrações do Vale do Matutu. Já o trajeto até o pin amarelo é o caminho para a cidade de Alagoa.

Atrações do Vale do Matutu

O Vale do Matutu fica a 17 Km do centro de Aiuruoca ou cerca de 40 minutos de carro. A estrada é de terra, meio esburacada, mas possível para carros que não são 4×4 em períodos sem chuva. O Vale do Matutu é considerado como Zona Núcleo da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pela UNESCO.

Casarão do Vale do Matutu

O Casarão do Matutu já foi sede de uma antiga fazenda. Atualmente, lá funcionam um centro de informações ao visitante, um memorial histórico sobre o bairro e um café. Ao lado do casarão fica a Loja do Paiol, de artesanato. No entanto, como fui na pandemia, não era possível entrar nele. Mas vale a pena tirar foto da fachada.

É a partir dos Casarão que saem as trilhas para ao menos 3 cachoeiras de Aiuruoca: do Meio, do Fundo e das Fadas.

casarão matutu o que fazer em aiuruoca

Casarão do Matutu. Foto: Maridão.

Cachoeira do Meio

No Casarão do Matutu, pegue informações sobre como chegar à Cachoeira do Meio, que é alta e tem um poço pra banho (raso e pequeno). Não deixe de ir ao decidir o que fazer em Aiuruoca.

A trilha tem cerca de 3 Km a partir do Casarão,  e pode ser feita em cerca de 40 minutos (só ida). Ela é de dificuldade média, pois há algumas subidas até lá. Ela provavelmente tem esse nome porque fica no meio do caminho para a Cachoeira do Fundo / do Fundão.

Eu fui sem guia e não tive dificuldade, porque, apesar de haver poucas placas no caminho, bastou seguir as instruções que pegamos no Casarão. A entrada é grátis, mas você terá que pagar R$ 20 de estacionamento no Casarão.

mulher cachoeira do meio o que fazer em aiuruoca

Cachoeira do Meio. Foto: Maridão.

Cachoeira do Fundo / do Fundão

Se você curte cachoeiras bem altas, ao analisar o que fazer em Aiuruoca, precisa incluir a Cachoeira do Fundo no seu roteiro, porque ela tem nada menos que 120 metros de altura!

De longe parece uma queda só, mas chegando de perto você verá que parecem 2 quedas. Esta é uma das cachoeiras em Aiuruoca que têm um poço pequeno e bem raso para banho. Tanto é que para se molhar, você terá que sentar no poço e encostar a cabeça na queda d’água.

A trilha desde o Casarão tem 4 km e dura 1h30 (só ida). O nível de dificuldade é médio, porque há subidas. No trecho final, você terá que cruzar um pequeno riacho descalço, mas é seguro. Depois de 40 minutos de trilha você chega na Cachoeira do Meio, sobre a qual falamos acima.

Fui sem guia e não tive dúvidas no caminho, apesar da escassa sinalização. Basta seguir as instruções do pessoal do Casarão do Matutu. A entrada é gratuita. No entanto, paga-se  R$ 20 de estacionamento no Casarão.

cachoeira do fundo o que fazer em aiuruoca

Cachoeira do Fundo. Foto: Marcelle Ribeiro.

mulher cachoeira do fundo o que fazer em aiuruoca

Cachoeira do Fundo tem poço raso. Foto: Maridão.

Poço das Fadas

Localizado a apenas cerca de 200 metros do Casarão do Matutu, numa trilha de 10 minutos fácil, o Poço das Fadas tem uma pequena cachoeira de 5 metros de altura. Vale a pena incluir no seu roteiro ao decidir o que fazer em Aiuruoca, porque o poço tem um tamanho razoável pra banho. A profundidade varia de 1m a 2,5m.

Entretanto, há poucas pedras ao redor onde é possível deitar para tomar sol. Aliás, dizem que o melhor é ir no meio do dia, quando bate mais sol na cachoeira. A entrada é grátis. Porém, o estacionamento no Casarão custa R$ 20. Não há controle de entrada na cachoeira.

mulher poço das fadas o que fazer em aiuruoca

Poço das Fadas com sol no meio da tarde. Foto: Marcelle Ribeiro.

Restaurante Tia Iraci

É um restaurante de comida caseira muito gostoso, e bonito, cheio de plantas e bem ventilado (avarandado). Fica entre o Casarão do Matutu e o início da trilha para as cachoeiras do Meio e do Fundo. O ideal é agendar o almoço no  com algumas horas de antecedência. O prato executivo custa R$ 30 por pessoa. Para comer com direito a repetir várias vezes, pague R$ 50 por pessoa.

comida o que fazer em aiuruoca

Comida caseira à vontade por R$ 50 na Tia Iraci. Foto: Marcelle Ribeiro.

Cachoeira do Batuque

Essa é uma das cachoeiras de Aiuruoca (MG) que não têm poço pra nadar. Contudo, dá pra tomar banho embaixo da queda, que tem cerca de 25m de altura. Além disso, dá pra fazer rapel nela. Ela fica a 15km do centro de Aiuruoca. A trilha, de nível de dificuldade médio, tem 25 minutos (só ida). Não há cobrança de entrada.

Cachoeira Deus Me Livre

A Cachoeira Deus Me Livre tem três quedas, de cerca de 15m de altura cada. A primeira queda (de baixo pra cima) tem um bom poço pra banho. As outras quedas também têm poços pra banho, mas menores. É possível fazer rapel por lá. A trilha dura apenas 10 minutos. A entrada é grátis.

Cachoeira das Três Marias

Da estrada para o Vale do Matutu (e da igrejinha do Vale) você verá uma cachoeira bem no alto de uma montanha. É a cachoeira das Três Marias. Contudo, não dá para tomar banho nela, nem chegar perto dela, porque não há estrada nem trilha até lá.

cachoeira três marias o que fazer em aiuruoca mg

Cachoeira Três Marias vista da estrada. Foto: Marcelle Ribeiro.

Igrejinha Nossa Senhora das Dores

Na estrada para as cachoeiras do Vale do Matutu, você passará por esta igrejinha lindinha, com montanhas em volta. Dela dá pra ver a Cachoeira das Três Marias. Vale uma foto.

igreja matutu o que fazer em aiuruoca mg

Igreja Nossa Senhora das Dores. Foto: Marcelle Ribeiro.

Pocinho do Badóglio (Pocinho)

Vai com crianças e não sabe o que fazer em Aiuruoca? Experimente ir ao Pocinho, que tem, além de um poço pra banho, área de alimentação, redário e gramado. A entrada custa R$ 10.

Poço do Divino

O Poço do Divino fica na estrada para o Matutu e é uma cachoeira de apenas 2m de altura, mas com piscina natural de 1,5m a 2,5m de profundidade e 8m de diâmetro. Não é preciso pagar entrada. A trilha tem nível de dificuldade médio e dura 30min (só ida).

Cachoeira dos Macacos

Tem pouco tempo e não sabe o que fazer em Aiuruoca? Vá na Cachoeira dos Macacos! Em primeiro lugar, porque a trilha dura apenas 10 minutos (são só 300 metros) e é fácil, quase toda plana. Em segundo lugar, porque ela tem uma boa área para tomar sol e banho, o que faz ela ser uma boa opção também para feriados, quando costuma haver mais gente na cidade.

A entrada é gratuita e não é necessário ir com guia. Não há estacionamento. Contudo, você pode parar ao longo da estrada, logo depois da placa para a Vila Ananda Matutu. Além disso, também não há placas indicando o início da trilha. Ela começa numa abertura da cerca por onde passa 1 pessoa por vez.  Você pode ir à cachoeira em qualquer horário.

cachoeira dos macacos o que fazer em aiuruoca mg

Cachoeira dos Macacos. Foto: Maridão.

cachoeira dos macacos o que fazer em aiuruoca mg

O poço da Cachoeira dos Macacos é raso. Foto: Maridão.

Pico do Papagaio

O mais famoso dos passeios em Aiuruoca para quem curte trilhas mais difíceis é o Pico do Papagaio. Essa cadeia de montanhas de 2.105m de altitude pertence à Área de Proteção Ambiental da Serra da Mantiqueira, localizada no Parque Estadual da Serra do Papagaio.

Eu coloquei ela aqui junto com as atrações do Vale do Matutu, mas ela também pode ser acessada pelo Vale dos Garcias, Vale da Pedra, Vale do Batuque e pelo Retiro dos Pedros.

A trilha para subir dura 4h (só ida), tem nível de dificuldade entre médio e difícil, e permite uma bela vista. Entretanto, é importante ir com guia. A entrada é grátis.

Pontos turísticos do Vale dos Garcias

Cachoeira dos Garcias

Com cerca de 30m de altura, essa é uma cachoeiras mais bonitas da cidade. Por isso, não pode ficar de fora quando você for decidir o que fazer em Aiuruoca (MG). Ela tem um poço enorme pra banho e várias pedras em volta onde dá pra descansar tomando um sol.

Para chegar até ela, coloque no GPS o restaurante Casal Garcia, que fica bem em frente à queda d’água. Aliás, vale a pena almoçar ou jantar por lá, porque o restaurante tem uma vista linda pra cachoeira e porque a comida é muito gostosa. Há massas, trutas e omeletes por cerca de R$ 50 por pessoa.

A cachoeira fica a cerca de 14 Km (40 minutos de carro) do centro de Aiuruoca (MG). Estacione gratuitamente quando vir a primeira placa de estacionamento, a 800m do restaurante, porque depois desse trecho a estrada fica ainda pior. Desça a pé. Do estacionamento até a parte alta da cachoeira são cerca de 15 minutos de descida.

Em seguida, vá para o poço e parte baixa da Cachoeira dos Garcias. Não é exatamente uma trilha, mas sim uma escadaria que demora uns 10 minutos para ser vencida. A entrada é grátis e não é preciso comer no restaurante para ir na cachoeira. Não há controle de entrada.

cachoeira dos garcias topo cachoeira dos macacos o que fazer em aiuruoca mg

Cachoeira dos Garcias vista de cima pra baixo. Foto: Marcelle Ribeiro.

cachoeira dos garcias cachoeira dos macacos o que fazer em aiuruoca mg

Cachoeira dos Garcias vista do Restaurante Casal Garcia. Foto: Marcelle Ribeiro.

poço cachoeira dos garcias aiuruoca mg

Poço da Cachoeira dos Garcias é grande. Foto: Marcelle Ribeiro.

Cachoeira da Prainha dos Garcias

Esse poço fica ao lado da Cachoeira dos Garcias. A entrada é gratuita e ela é própria para banho de crianças.

Olibi

E o que fazer em Aiuruoca (MG) com chuva? Uma opção, se a estrada estiver viável, é ir conhecer a plantação de azeitonas e produção de azeites da Olibi, uma marca regional artesanal premiada. A visita dura 2h e inclui degustação. É claro que parte dela é em área aberta, mas em caso de chuva, use um guarda-chuva.

Neste passeio você também conhece projetos de recuperação ambiental, com pássaros resgatados e mata nativa. O tour custa R$ 35 por pessoa e inclui voucher para compra de produtos. Veja mais detalhes no site da Olibi.

Cachoeira do Tizil

Esta cachoeira tem cerca de 2,5m de altura, com um poço de 6m de diâmetro e que chega a atingir 2m de profundidade. Ela fica a 30min de trilha após o Poço Joaquim Bernardo. A entrada é grátis.

Poço Joaquim Bernardo

Outra dica para quem vai com crianças ou idosos e não sabe o que fazer em Aiuruoca é o Poço Joaquim Bernardo. Você estaciona bem em frente e não é necessário caminhar. Além disso, ele tem uma “prainha” com um gramadão gostoso, mesinhas, e é raso em sua maior parte.

E mais: aos finais de semana, férias e feriados, funciona ali um bar que serve petiscos. Entretanto, nestes dias, pode haver cobrança de ingresso.

mulher poço joaquim bernardo aiuruoca mg

Poço Joaquim Bernardo. Foto: Maridão.

Atrações do Centro de Aiuruoca MG

No centrinho de Aiuruoca a única atração é a lojinha de produtos mineiros Armazém Macieira, que acho que é a única da cidade. Por lá você encontra queijos (dos baratos aos premiados), doces, trutas e azeite da região, além de  outros produtos.

Pontos turísticos no caminho para Alagoa

A cidade de Alagoa fica a 31 Km (1h10 de carro) de Aiuruoca (MG) e está no Caminho Velho da Estrada Real. Vale um bate volta quando você estiver em Aiuruoca. Os principais atrativos são:

  • Cachoeira Zé Pena, que requer 40min de trilha (só ida) e tem poço pra banho e “escorregador”;
  • Pico do Garrafão (ou Pico do Santo Agostinho), montanha a 2,3 mil metros de altitude, de onde se tem uma vista de 360º da Serra da Mantiqueira. Para chegar lá são 13,6 Km de trilha.
  • Cachoeira Ouro Fala;
  • Fábricas de queijo. Na cidade se produz um tipo de queijo parmesão com mais de 100 anos de tradição;
  • Cachoeira Falcão;
  • Cachoeira Serra dos Borges.

Veja mais sobre os atrativos de Alagoa.

O que fazer à noite em Aiuruoca

Não há o que fazer em Aiuruoca à noite além de jantar. E mesmo assim, são pouquíssimos restaurantes na cidade, mesmo no Centro. Pra ser bem sincera, eu rodei o centro de Aiuruoca atrás de restaurantes que vi recomendados na internet  e o único que não parecia “boteco pé sujo” era o Casarão, que tem pizzas e petiscos. Contudo, ele é simples, tá? Por isso, não espere nada com charme.

Se quiser encarar estrada de terra ruim à noite, o restaurante Casal Garcia, no Vale dos Garcias, abre para jantar.

pizza casarão o que fazer em aiuruoca

Pizza do restaurante Casarão. Foto: Marcelle Ribeiro.

Quanto tempo ficar em Aiuruoca

Como há muito o que fazer em Aiuruoca (Minas Gerais), sugiro que você passe 4 dias lá. Eu passei 2 dias e meio e foi o suficiente apenas para conhecer as principais atrações dos vales dos Garcias e do Matutu.

Roteiro Aiuruoca

A maior parte das cachoeiras em Aiuruoca se concentra no Vale do Matutu ou no caminho para ele. Por isso, dedique ao menos 2 dias inteiros a essa região. A seguir, vou dar sugestões de roteiros e dizer o meu.

O que fazer em Aiuruoca em 1 dia

Concentre-se no Vale do Matutu. Vá para as cachoeiras do Meio e do Fundo. Em seguida, almoce no Restaurante Tia Iraci. Logo após, vá para o Poço das Fadas. Por fim, fotografe o Casarão do Matutu, a Igreja Nossa Senhora das Dores e a Cachoeira Três Marias.

Roteiro em Aiuruoca de 2 dias

No dia 1, faça o mesmo roteiro do Vale do Matutu que propus logo acima. No segundo dia, vá para o Vale dos Garcias. Conheça a Cachoeira dos Garcias e sua prainha. Em seguida, almoce no restaurante Casal Garcia. Logo após, vá ao Poço Joaquim Bernardo.

montanhas o que fazer em aiuruoca

Montanhas de Aiuruoca. Foto: Marcelle Ribeiro.

O que fazer em Aiuruoca em 3 dias

Primeiro dia no Vale dos Garcias: Cachoeira dos Garcias e sua prainha + Restaurante Casal Garcia + Poço Joaquim Bernardo.

Segundo dia no Vale do Matutu: Cachoeiras do Fundo e do Meio + almoço na Tia Iraci + Poço das Fadas + Casarão do Matutu + Igreja Nossa Senhora das Dores + Cachoeira Três Marias.

Terceiro dia no Vale do Matutu: Comece com a cachoeira dos Macacos. Até aqui foi esse o roteiro que eu fiz. Se eu tivesse mais tempo, teria ido, em seguida, às cachoeiras do Deus Me Livre e do Batuque.

Roteiro em Aiuruoca (MG) para 4 dias

No quarto dia, vá para as cachoeiras de Alagoa. Ou faça a visita guiada à Olibi e, na sequência, conheça uma dessas cachoeiras: Pocinho ou Tizil.

O que fazer em Aiuruoca com chuva

Até tem o que fazer em Aiuruoca com chuva, desde que as estradas de terra fiquem transitáveis. Com tempo chuvoso, faça o passeio para o olival da Olibi, comprinhas de produtos mineiros no centro da cidade e vá visitar as fábricas de queijo na cidade de Alagoa. Além disso, pode valer um bate-volta pra cidades próximas, como São Lourenço e Caxambu.

Onde ficar na cidade de Aiuruoca MG

Agora que você já sabe o que fazer em Aiuruoca, precisa saber que escolher onde se hospedar não é tão fácil, porque ainda há poucas hospedagens. Além disso, a maioria é rústica. Em resumo, o melhor é ficar no Vale do Matutu, porque ele reúne mais atrações e restaurantes. Não é vantajoso se hospedar no Centro, pois ele tem pouquíssimos restaurantes e nenhuma atração além de 1 lojinha.

A seguir, dicas de hospedagens:

Saiba mais sobre localização, preços, e características destas hospedagens no post sobre Onde Ficar em Aiuruoca.

Veja abaixo o vídeo sobre Aiuruoca!

Leia mais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.