O que fazer em Madrid: 12 passeios grátis

postado por Marcelle Ribeiro em 06/08/2018 - Atualizado em: 07/08/2018
Compartilhar este artigo:

A capital da Espanha é uma das maiores cidades do mundo e tem muitas atrações! Se você vai viajar com pouco dinheiro, é preciso planejar o que fazer em Madrid para gastar pouco. Em alguns casos, você não precisa gastar nada! Os  principais parques, palácios e museus têm dias e horários em que as visitas são gratuitas! Gostou, né? Quer saber como? Eu conto tudo neste post.

o-que-fazer-em-madrid-mercado-san-miguel

O Mercado San Miguel é uma atração grátis de Madrid. Foto: Marcelle Ribeiro.

 

Faça a reserva do seu hotel em Madrid pelo Booking. Você encontra as melhores opções e ainda ajuda o blog.

 

O que fazer em Madrid: Museus

1- Museu do Prado

O museu mais importante de Madri e um dos melhores museus do mundo, o Prado tem uma coleção enorme e muito valiosa. É impossível ver tudo em apenas uma visita. Por isso, é muito importante pegar um folheto logo na recepção para saber onde estão os maiores destaques, como obras de Goya, Velázquez, Rembrandt e El Greco.

O palácio onde fica o museu também é uma obra de arte! Construído no século XIX, ele tem uma fachada frontal enorme, mas que está passando por reformas. Com isso, a entrada para o museu fica em uma área lateral.

madrid-museu-do-prado-maja-desnuda

La Maja Desnuda, de Goya, exposta no Museu do Prado. Foto: Guilherme Calil.

Para quem quer ver tudo isso e não gastar nada, o Prado abre as portas de segunda à sábado, das 18h às 20h. Nos domingos e feriados, a entrada é grátis das 17h às 19h. Se você não quiser ficar no fim da fila, tente chegar uma hora antes da liberação da entrada.

Se você quiser ir em outro horário, saiba que o ingresso custa 15 euros por pessoa.

O Museu fica no Paseo del Prado, s/n e a estação de metrô mais próxima é a Atocha. Você confere mais informações sobre o funcionamento do Museu clicando aqui.

Se você preferir conhecer Madrid de carro, faça a sua reserva pelo Rentcars. Você ganha um desconto e colabora com o Viciada em Viajar!

 

2 – Thyssen-Bornemisza

Fundado em 1992, o Museu Thyssen-Bornemisza tem uma coleção impressionante, principalmente quando passamos a saber que ela era particular e foi comprada pelo governo espanhol em 1993. Por lá, você faz um passeio pela história da Arte e vê obras-primas de mestres como Picasso, Rafael, Caravaggio, Van Gogh, Gauguin e muito mais.

Quase tudo está organizado em ordem cronológica, o que ajuda a ver como as técnicas de pintura foram se desenvolvendo e também as diferenças entre os artistas.

madrid-museu-thyssen-bornemisza

Detalhe de um quadro exposto no Thyssen-Bornemisza. Foto: Marcelle Ribeiro.

Uma visita por lá não dura menos de 2 horas e pode ser feita no mesmo dia de um passeio ao Museu do Prado. Isso porque a entrada grátis é toda segunda-feira, das 12h às 16h. Chegamos lá 30 minutos antes da abertura dos portões e não tivemos muitos problemas. A fila anda super rápido!

Se você não puder ir no horário grátis, saiba que o preço da entrada do museu é 12 euros por pessoa.

O Thyssen-Bornemisza fica no Paseo del Prado, 8. A estação de metrô mais próxima é a Banco de España. Outras informações sobre o museu podem ser encontradas neste link.

Sabia que seguro viagem internacional é obrigatório para ir para a Europa? A Sul América, em parceria com a Conset Seguros e conosco, tem preços imbatíveis! Contrate aqui.

 

3 – Reina Sofia

Tá pesquisando o que fazer em Madrid e gosta de arte moderna? O Reina Sofia é o seu museu! É lá que estão várias obras de Picasso, Salvador Dalí e Joan Miró. O grande destaque é Guernica, pintada por Picasso para mostrar os horrores da Guerra Civil Espanhola, na década de 30.

Além das pinturas, há esculturas e também trabalhos de vídeo bem interessantes. O prédio onde fica o Museu também é super interessante, já que era um antigo hospital que passou por diversas reformas até chegar ao projeto de hoje.

madrid-museu-reina-sofia-salvador-dali

Quadro de Dalí exposto no Reina Sofia. Foto: Marcelle Ribeiro.

O melhor dia para visitar o Reina Sofia de graça é o domingo, das 13h30 às 19h. Ele também tem entrada grátis todas as segundas e quartas, das 19h às 21h. Nós fomos no domingo e não tivemos problemas. A fila andou bem rápido. Se você não for nos horários grátis, terá que desembolsar 10 euros por pessoa pelo ingresso.

O Museu Reina Sofia fica na Calle de Santa Isabel, 52. A estação de metrô mais próxima é a Atocha. Você pode conferir todos os horários de funcionamento do museu neste link.

 

O que fazer em Madrid: região do Palácio

4 – Palácio Real

Um dos pontos turísticos mais procurados de Madrid, o Palácio Real é o maior da Europa. Construído no século XVIII, tem uma fachada maravilhosa e impressiona por suas salas e quartos super bem decorados! É uma pena que não é permitido tirar fotos em grande parte da visita.

O passeio começa pela escadaria principal do palácio e passa pelos principais aposentos. Também é possível ver um pouco dos jogos de cerâmica e de talheres usados pela Casa Real da Espanha.

o-que-fazer-em-madrid-palacio-real

Fachada do Palácio Real de Madrid. Foto: Guilherme Calil.

Outro ponto alto, para quem gosta de história, é a sala de guerra, com armaduras, armas e escudos usados pela Família Real e pelo Exército.

Um detalhe interessante é que o Palácio, mesmo sendo a residência oficial do Rei da Espanha, hoje só é usado em cerimônias oficiais e ocasiões de gala.

madrid-palacio-real-escadaria

Detalhe do teto da escadaria principal do Palácio. Foto: Marcelle Ribeiro.

Para ver tudo isso de graça, é preciso estar na bilheteria de segunda-feira a quinta-feira entre 16h e 18h (outubro a março) e das 18h às 20h (abril a setembro). A visita é liberada para cidadãos da União Europeia e latino-americanos, mas é preciso estar com algum documento, como o passaporte.

Fora desses horários, o ingresso custa 10 euros por pessoa.

O Palácio Real de Madrid fica na Calle de Bailén, s/n, e a estação de metrô mais próxima é a Opera. Para saber mais sobre os horários de funcionamento do Palácio, é só clicar neste link.

Também é possível conhecer as atrações de Madrid de carro. Quer encontrar o melhor preço? Clique neste link, reserve pelo Rentcars e ajude o blog.

 

5 – Catedral de Almudena

Construída a partir de 1883, a Catedral de Almudena fica bem em frente à entrada do Palácio Real de Madrid e é a principal igreja da cidade.

Com uma fachada linda e 73 metros de altura, ela foi inaugurada em 1993 e consagrada por João Paulo II. Por causa disso, é possível ver algumas homenagens ao antigo Papa durante a visita.

madrid-fachada-catedral-almudena

A enorme fachada da Catedral de Almudena. Foto: Marcelle Ribeiro.

Grande parte do interior da Catedral é de pedra, mas algumas obras chamam a atenção por causa do ouro, como alguns altares. Outro destaque é lindo órgão usado nas missas e outras cerimônias.

A visita é grátis todos os dias, mas os horários de funcionamento variam de acordo com a época do ano. Confira todos os detalhes clicando aqui.

Se você está procurando passeios em cidades próximas de Madri, nosso parceiro Get Your Guide tem várias opções!

 

6 –  Jardins de Sabatini

Localizados atrás do Palácio Real, os Jardins de Sabatini foram construídos na década de 1930 e têm uma inspiração francesa.

É um lugar muito frequentado principalmente na primavera e no verão e é possível ver artistas de rua se apresentando em busca de algum dinheiro. Os jardins são ótimos para descansar depois de um dia inteiro andando pela Catedral, pelo Palácio e toda a região no entorno.

madrid-lago-jardins-sabatini

Lago e parte dos jardins de Sabatini. Foto: Marcelle Ribeiro.

Eles receberam esse nome em homenagem ao arquiteto italiano Francesco Sabatini, que colaborou na construção do Palácio Real de Madrid e da Porta de Alcalá (vamos falar sobre ela mais abaixo).

Os Jardins de Sabatini são abertos todos os dias, das 09h às 21h. A entrada é sempre gratuita, independente de dia ou horário.

 

 

Parques, praças e mercado

7 e 8 – Parque do Retiro e Porta de Alcalá

Considerado o pulmão verde de Madrid, o Parque do Retiro é enorme e super frequentado pelos moradores e pelos turistas que buscam uma sombra no calor da cidade.

Com jardins lindos, fontes, esculturas e até pequenos palácios que hoje servem como sedes de exposições, o Parque oferece dezenas de atrações e é possível ficar um dia inteiro por lá. Foi o meu lugar preferido de Madri.

madrid-lago-parque-retiro

Lago artificial do Parque do Retiro. Foto: Marcelle Ribeiro.

Uma coisa bem legal de se fazer por lá é remar no lago artificial, mas o passeio de 45 minutos custa 8 euros. Pra quem economizou tanto até agora, vale a pena se dar esse luxo…

O Parque do Retiro funciona todos os dias, das 06h à 0h.

Em uma das entradas do Parque do Retiro está a Praça da Independência, onde fica a Porta de Alcalá, um dos monumentos mais famosos de Madrid. É impossível não perceber este arco, um dos antigos portões que davam acesso à cidade.

madrid-monumento-porta-alcala

A Porta de Alcalá fica perto do Parque do Retiro. Foto: Marcelle Ribeiro.

Faça seu seu seguro viagem internacional com a Sul América, em parceria com a Conset Seguros e conosco, e consiga preços imbatíveis! Contrate aqui.

 

9 – Templo de Debod

Um templo egípcio completo fora do Egito. Bem legal, né? Esse é o Templo de Debod, que foi doado à Espanha na década de 1970 e remontado em Madrid.

madrid-templo-debod-exterior

O Templo de Debod, presente do Egito para a Espanha. Foto: Guilherme Calil.

A visita é gratuita, mas demos azar porque o templo estava em reformas quando visitamos a cidade, em junho de 2018. Mesmo assim, as fotos tiradas do lado de fora ficam lindas e a região tem um pôr do sol lindo, considerado um dos mais bonitos de Madrid.

Está procurando hotel em Madrid? Usando o Booking, você encontra os melhores preços e ainda ajuda a manter o blog.

 

10 e 11 – Plaza Mayor e Puerta del Sol

Duas praças super famosas de Madrid e que podem ser visitadas durante as caminhadas para todas as outras atrações da cidade.

A Plaza Mayor é considerada o coração da parte velha da cidade. Em formato retangular, tem vários cafés e lojinhas para os turistas. Por ser super turística, os preços por lá são um mais altos. Mesmo assim, pode valer a pena para comer acompanhando o vai e vem na praça.

madrid-plaza-mayor-movimento

A Plaza Mayor é o coração da antiga Madrid. Foto: Marcelle Ribeiro.

Já a Puerta del Sol é uma praça enorme e que reúne milhares de pessoas! Com várias lojas famosas, é um grande centro comercial e um bom lugar para fazer umas comprinhas.

Um ponto muito frequentado é a estátua do Urso e do Medronheiro, que representa os elementos do escudo da cidade.

madrid-puerta-del-sol-urso-medronheiro

O Urso e o Medronheiro, símbolos de Madrid. Foto: Marcelle Ribeiro.

Até por conta do movimento de turistas, a praça atrai muitos artistas de rua, mas vários deles cobram para tirar fotos. Fique de olho!

 

12 – Mercado de San Miguel

Para fechar a nossa lista sobre o que fazer em Madrid sem gastar dinheiro, vamos falar do Mercado de San Miguel. Ele é o último dos mercados construídos com ferro que resiste em toda a capital espanhola.

o-que-fazer-em-madrid-vitrine-mercado-san-miguel

Uma vitrine de frios no Mercado de San Miguel. Foto: Marcelle Ribeiro.

Ele fica pertinho da Plaza Mayor e é super charmoso, com vários bares e restaurantes. É bem legal dar uma circulada e ver os peixes frescos vendidos por lá. Mas se você quiser comer alguma coisa, prepare o bolso. Isso porque tudo no mercado é mais caro. Por causa disso, eu e o maridão estivemos por lá, mas não chegamos a comer nada.

O Mercado de San Miguel fica na Plaza de San Miguel, s/n. Ele funciona de domingo a quinta, das 10h à 0h. Sexta e sábado, o mercado fecha à 01h.

 

Quer aproveitar as principais atrações de Madrid sem ter que enfrentar filas? Clique aqui, compre o seu ingresso pela Get Your Guide e ajude o blog

Reserve seu hotel em Madrid por este link do Booking (que tem o meu código) e ajude o blog.

Já tem seguro de saúde internacional? Faça com a Sul América, em parceria com a Conset Seguros e conosco! 

Quer alugar um carro para conhecer Madrid? Pelo Rentcars você ganha desconto e ajuda o blog.

 

Leia também:

Mais fotos e curiosidades de Madrid no nosso Facebook, Instagram , Twitter e Pinterest

Compartilhar este artigo:
Publicado por Marcelle Ribeiro

Jornalista, baiana, mas há mais de 20 anos moradora do Rio de Janeiro. Nos seus mais de 30 anos de vida, já viajou sozinha e acompanhada. Casada com o Guilherme, petlover e viciada em pesquisar novos destinos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *