Jericoacoara – Quando ir, como chegar e onde ficar

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 26/10/2016
Compartilhar este artigo:

Jericoacoara é uma vila da cidade de Jijoca de Jericoacoara, a cerca de 300 km de Fortaleza (CE). Chegar lá não é das coisas mais fáceis e é preciso também atenção na hora de escolher onde ficar. Abaixo, algumas dicas gerais sobre esse destino de praia que atrai milhares de turistas.

 

Quando ir:

A melhor época do ano para ir a Jericoacoara é no segundo semestre, quando as chuvas diminuem sensivelmente. Os meses de junho a dezembro são os melhores. Confira a média de chuvas na região no site da Climatempo.

Procurando hotel? O Booking tem opções para todos os bolsos. Reserve por esse link, que tem o meu código, e ajude o blog.

 

Como chegar:

Há 4 meios de transporte para chegar a Jericoacoara. Eu experimentei 2 deles. Veja:

 

DESCONTO DE 5% no Esquenta Black Friday para aluguel de carro na Rentcars, com o cupom NOVEMBER. Vale até 30/11, com retirada do carro até 31/12! Compare preços de várias locadoras!

Carro próprio: Não recomendo, porque você poderá seguir de estrada asfaltada apenas até a “sede” do município, Jijoca de Jericoacoara. Lá, terá que deixar o carro, pois apenas veículos 4×4 conseguem ir até a vila de Jericoacoara, já que o caminho é pela areia. E para fazer os passeios por Jeri também é preciso de carros com tração, como buggys. Acredito que não existam locadoras de carros 4×4 em Jijoca, que é uma cidade bem pequena.

 

Ônibus: A empresa que presta esse serviço é a Fretcar, que vende passagens pelo site (cerca de R$ 80). De Fortaleza a Jijoca de Jericoacoara, os passageiros vão de ônibus executivo, com ar condicionado. Chegando em Jijoca, eles são transferidos para uma “jardineira”, que é um caminhão com a carroceria adaptada, com bancos e cobertura (em cima de onde vão a malas). A passagem já inclui os dois veículos e a jardineira só sai de Jijoca quando os passageiros chegam de ônibus. A viagem dura cerca de 8h.

Não usei esse tipo de transporte. O que ouvi de uma jovem turista é que o ônibus é bom, normal. A jardineira (onde os passageiros ficam por cerca de 40min) é apertada, com pouco espaço para as pernas e sacoleja bastante.

 

Carro 4×4 de agências de viagem: Diversas empresas de turismo de Jericoacoara e Fortaleza oferecem transporte em carros 4×4 com ar condicionado (normalmente Blazer ou Hillux), que podem pegar o passageiro no aeroporto ou hotel de Fortaleza e levar até a pousada de Jeri. A viagem dura de 4h a 5h e não é necessário trocar de veículo no percurso.

Eu fui de Fortaleza a Jericoacoara em um dos carros 4×4 da Jeri Férias, como cortesia da agência de viagem. O motorista estava me esperando no aeroporto na hora marcada e fui com mais 3 passageiros que eu não conhecia (5 pessoas no carro no total). A viagem foi tranquila. A Jeri Férias costuma cobrar R$ 550 por trecho para até 4 pessoas, mas oferece diversas outras opções de valores dependendo do número de passageiros e do desejo de fechar pacotes de passeios também. É possível ir num carro exclusivo para o seu grupo ou compartilhá-lo com turistas que você não conhece.

 

– Jardineira + Microoônibus ou Van parando na Lagoa do Paraíso no caminho: Foi a opção que eu escolhi para ir de Jeri para Fortaleza, pois eu queria dar mais uma parada na Lagoa do Paraíso. Uma caminhonete D20 com bancos na parte traseira para transportar passageiros nos levou até a Lagoa do Paraíso, onde ficamos por 2h curtindo o sol. A barraca Lagoon, nosso ponto de apoio, tinha até banheiro para banho. Por volta das 12h saímos da lagoa e fizemos uma parada para trocar de veículo em um restaurante de Jijoca. Às 13h saímos desse local de microônibus com ar condicionado e banco confortável. Às 16h30 paramos num restaurante na estrada para ir ao banheiro e lanchar (limpinho) e às 18h cheguei no hotel na orla de Fortaleza.

Achei a viagem super tranquila e ainda pude aproveitar o dia. Contratei esse transporte com a agência Experimente Jeri, que deu ao blog um desconto de 20% pelo traslado. O preço normal é R$ 90.

 

"Jardineira" que leva passageiros de Jeri a Jijoca. Foto: Marcelle Ribeiro.

“Jardineira” que leva passageiros de Jeri a Jijoca. Foto: Marcelle Ribeiro.

 

Onde ficar:

Jeri é uma vila de areia, sem nenhum tipo de calçamento, onde todo mundo anda de chinelo o tempo todo (mesmo quando vai para a balada). Porém, apesar de ser pequena, a vila tem uma “pegadinha” na hora de escolher hospedagem. É que as ruas não têm iluminação pública e podem causar uma sensação de insegurança para o turista. Já houve casos de roubos e até estupros na vila anos atrás, mas na areia da praia, de madrugada. Eu inclusive cheguei a pesar isso na hora de decidir viajar, pois fui sozinha. Mas deu tudo certo, porque tive o cuidado de escolher bem onde ficar e não marquei bobeira.

O melhor é se hospedar bem na muvuca do centrinho da vila, para ficar mais seguro e perto de restaurantes e bares. A “muvuca” não chega a atrapalhar o sono, porque não há tanto barulho assim. A rua de maior movimento é a Principal, e, nela, quanto mais perto você ficar da praia, melhor. Outras ruas bem movimentadas são o Beco do Forró e a Rua São Francisco (e nelas, também, quanto mais perto da praia, melhor).

Outra razão para não ficar longe do centrinho é que, pelo percebi, não há “táxis” que levem de pousadas afastadas até os restaurantes.

Mapa de Jericoacoara.

Mapa de Jericoacoara.

jericoacoara2

Mapa de Jericoacoara.

 

Fiquei no Villa Chic Pousada e Hostel, na Rua Principal, a 10 minutos de caminhada da praia principal. A localização foi boa e o hostel é bonitinho. O preço foi razoável: paguei cerca de R$ 50 a diária para quarto compartilhado com mais 7 meninas, com direito a café gostoso (tinha até tapioca). Tinha ar condicionado e beliches confortáveis. Mas o banheiro tinha um problema: não tinha um box completo e isso fazia com os banheiros ficassem o tempo todo molhados. Um saco, desagradável. Não sei se voltaria a me hospedar lá.

 

Reserve sua hospedagem em Jericoacoara pelo Booking clicando aqui e ajude o blog a ganhar uma pequena comissão sem pagar nada a mais! (saiba como funciona essa parceria aqui)

Ao reservar o seu carro pelo portal Rentcars por esse link, você compara preços de várias locadoras, consegue descontos e colabora com o Viciada em Viajar.

 

Leia também:

Jericoacoara: O que fazer, quantos dias ficar e sugestão de roteiro

Jericoacoara: Veja como é o passeio para o Lago Grande e Tatajuba

Como é o passeio para as lagoas Azul e do Paraíso, em Jericoacoara

Índice de posts sobre Jericoacoara

 

Compartilhar este artigo:

Comentários

  1. Paula Salles Hernandez
    20 ago 2016

    Muito interessante e informativo suas dicas só para complementar hoje tem serviço de taxi buggy é legal para levar malas para os transportes de linha principalmente. Se me permite a nossa pousada Bella Jeri tem uma localização ótima uma travessinha da rua do Forró fica muito próximas aos principais atrativos da vila a pé tanto durante o dia como a noite. Bjo

  2. Gabriela
    17 nov 2017

    Olá Marcelle, vou viajar para Jeri em dezembro e reservei o Villa Chic para eu e meu namorado. Como é o ambiente no Hostel? Vi que teve problemas com o quarto compartilhado, chegastes a ver como são os quartos duplos ou não? O que me indica?

    • 30 nov 2017

      Oi, Gabriela,
      O ambiente do hostel é tranquilo. Tem uma pequena sala agradável de café da manhã avarandada aos fundos, que é o único ambiente onde dá para interagir. Lá tem uma TV disponível para os hóspedes compartilharem. A piscina é minúscula, no estilo tanque.
      Não vi os quartos duplos. Dá uma olhadinha nos reviews do Booking: https://goo.gl/xhUuUN.
      Abraço,
      Marcelle

      • Gabriela
        30 nov 2017

        Obrigada pelas informações Marcelle! Vou dar uma olhadinha lá. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *