O que fazer em Monte Verde (MG): 22 passeios pra escolher

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 27/04/2021

Conhecida como a “Suíça mineira”, Monte Verde, distrito da cidade de Camanducaia, é cheia de várias pequenas atrações e ótima para uma viagem de 2 ou 3 dias. O lugar está ficando cada vez mais famoso especialmente entre casais em lua de mel, porque tem fama de ser um destino romântico. Mas também é bacana pra quem curte trilha e um friozinho na serra. Eu estive lá em dezembro de 2020 (na pandemia) e vou dar as dicas sobre o que fazer em Monte Verde no Réveillon (e também fora dele).

Confira abaixo o índice desse post:

Quando ir a Monte Verde
Passeios para o inverno
Pontos turísticos em Monte Verde
Quantos dias ficar em Monte Verde
Roteiro para Monte Verde
Monte Verde no Natal
Atrações no Réveillon
Quanto custa uma viagem para Monte Verde
Restaurantes em Monte Verde

Quando ir a Monte Verde

Dá para visitar a cidade em qualquer época do ano. Eu fui no Réveillon e, apesar de o verão ser a época mais chuvosa, deu para fazer tudo que a gente quis. E ainda deu para curtir o friozinho, porque em dezembro a temperatura varia de 17ºC (normalmente à noite, quando até acendemos a lareira) a 24ºC. Ou seja, não deu pra usar a piscina do hotel mesmo com sol, mas dava pra sair de blusa de manga curta.

No verão (dezembro a março) chove de 182mm a 267mm, o que é bastante, considerando que pra destinos de praia, por exemplo, eu só costumo ir com média de até 100mm, no máximo 150mm.

A época menos chuvosa é de junho a agosto, mas no inverno a temperatura varia de 11º a 20ºC. Veja abaixo as médias mensais de chuva e temperatura pra ajudar a decidir quando ir a Monte Verde.

climatologia o que fazer em monte verde

Média de temperatura e chuva em Monte Verde. Foto: Reprodução do site Climatempo.

O que fazer em Monte Verde no inverno

Dá pra fazer exatamente os mesmos passeios que eu fiz no verão, que explico a seguir.

Leia também: Como chegar a Monte Verde (MG)

O que fazer em Monte Verde

Abaixo as minhas dicas sobre o que fazer em Monte Verde no verão (mas que valem para outras épocas do ano, como disse).

1 – Lojinhas no centro de Monte Verde

Não dá pra falar sobre o que fazer em Monte Verde sem mencionar a Avenida Monte Verde, no centrinho da cidade, que é cheia de lojinhas fofinhas, restaurantes e até fábricas de chocolate. Muitas lojas vendem produtos mineiros, como queijos, doces, cachaças e cervejas artesanais. Tem também uma geleia feita lá e famosa, a Edelweiss. Dá pra conhecer tudo a pé.

Por lá eu destaco alguns mini shoppings a céu aberto, como:

  • Shopping Celeiro: ao fundo tem um pequeno parque para crianças e local para fotografar esquilos. Tem uma lojinha de roupas pra cães linda!
  • Vila Germânica
  • Vila Europa

Tem também fábricas de chocolate no centro de Monte Verde, como a Montanhês e a Gressoney. Na Gressoney vimos um pouco da produção de chocolate por um vidro e provamos um doce feito lá desde a década de 1970, a prímula, que parece um pão de mel.

centrinho o que fazer em monte verde

Shopping no centrinho de Monte Verde. Foto: Marcelle Ribeiro.

2 – Tour em cervejaria

Amantes de cerveja vão curtir essa dica sobre o que fazer em Monte Verde: dá pra fazer uma visita guiada numa cervejaria de lá, com direito a provinhas e brinde! Bem no centro da cidade fica a Cervejaria Fritz. A fábrica fica colada ao restaurante da cervejaria.

Por R$ 40 por pessoa você visita a área dos tanques de cerveja e aprende sobre a fabricação. A visita dura cerca de 40 minutos e inclui degustação de provinhas. Ao final você ganha uma garrafa de cerveja. Você precisa agendar a visita no caixa do restaurante da cervejaria. A visita acontece de quarta a sexta-feira às 19h e aos sábados às 13h.

toneis cervejaria o que fazer em monte verde

Tonéis de cerveja na Cervejaria Fritz. Foto: Marcelle Ribeiro.

3 – Orquidário MV

Esse é o mais rápido dos passeios em Monte Verde. Em 10 minutinhos você conhece o orquidário, que é bem pequeno e tem várias espécies de orquídeas e também de plantas carnívoras. A entrada é gratuita, e as flores estão à venda. Fica na Avenida do Sol Nascente, 1000, no centrinho de Monte Verde.

O orquidário funciona às sextas, das 10h às 15h e aos sábados, domingos e feriados das 10h às 17h.

orquídea o que fazer em monte verde

Orquídea em Monte Verde. Foto: Marcelle Ribeiro.

4 – Destilaria Monte Verde

Outro passeio em Monte Verde que é bem rapidinho é a visita à Destilaria Monte Verde, onde você pode ver tonéis cheios de cachaça e também recipientes enormes onde ela é fabricada. Também dá pra provar a bebida e comprá-la, além de adquirir licores. A entrada é gratuita. Passei de 5 a 10 minutinhos lá. Fica na Rua do Mato, 95, no centro de Monte Verde.

destilaria o que fazer em monte verde

Destilaria. Foto: Marcelle Ribeiro.

5 – Ice bar

Pra quem tá pesquisando o que fazer em Monte Verde e quer algo fora do comum, pode ser interessante ir ao Ice Bar, um bar de gelo em que você fica numa temperatura de -20ºC com casacões especiais e toma um drink num bar todo feito de grandes pedras de gelo. A entrada é paga. Fica na Avenida Monte Verde, a principal do centro da cidade.

6 – Patinação no gelo

Por R$ 70 você pode patinar numa pista de gelo ao som de músicas dançantes e com a ajuda de instrutores. A pista fica na Avenida Monte Verde, 1463, no centro da cidade. Normalmente fica aberta de quarta a segunda-feira, das 10h às 17h. Às terças costuma fechar.

mulher patinacao gelo o que fazer em monte verde

Pista de patinação no gelo. Foto: Marcelle Ribeiro.

7 – Trilha da Pedra Redonda

Ao decidir o que fazer em Monte Verde você não pode deixar de fora uma das principais atrações da cidade, que é a trilha da Pedra Redonda. Ela fica a 1990m de altura do nível do mar e divide os estados de São Paulo e Minas Gerais. A vista lá de cima é incrível, de uma cadeia de montanhas verdinhas lindas!

Pra chegar lá você faz uma trilha de 926 metros, de dificuldade média, porque a maior parte é de subidas. Nós levamos cerca de 15 minutos para chegar ao primeiro mirante e depois mais 15 minutos pra alcançar o topo. E 30 minutos pra descer tudo.

Como fomos na pandemia, só era permitido ir com agência de passeio com guia, porque assim eles conseguem limitar melhor a quantidade de pessoas na trilha por dia. Cada guia só pode levar 2 pessoas. E só é possível passar 1h30 lá (contando o tempo que se gasta pra fazer a trilha). Ou seja, só dá pra ficar uns 30 minutos no topo. Mas se você for depois que a pandemia acabar, não precisa de guia, porque a trilha é bem sinalizada e autoguiada.

Pra chegar no início da trilha eu recomendo que você vá de 4×4 porque a estrada é péssima. Nós pagamos R$ 140 por pessoa pra ir de jipe 4×4 com motorista/guia pra lá, mas não recomendo a empresa que contratamos porque tivemos que pedir ao guia/motorista pra ele usar a máscara corretamente durante o passeio. Veja nomes e telefones de agências de passeio em Monte Verde.

Se você for a Monte Verde em período chuvoso, vá à Pedra Redonda logo que conseguir, porque se estiver chovendo eles fecham a trilha e não deixam ninguém subir.

mulher pedra redonda o que fazer em monte verde

No topo da Pedra Redonda. Foto: Maridão.

8 – Morro Chapéu do Bispo

Quem curte trilha tem muito o que fazer em Monte Verde. Outra opção de passeio na natureza é a Trilha do Chapéu do Bispo, que tem 710 metros de comprimento e nível de dificuldade fácil, pois os trechos planos são maioria. O morro do Chapéu do Bispo fica a 2.030 de altitude.

Em 1 hora você vai e volta e passa por vários mirantes no caminho e chega até o platô. Não fizemos esta trilha porque ela estava fechada por causa da pandemia.

9 – Pedra Partida

Outro dos pontos turísticos de Monte Verde que parece bem legal é a Trilha da Pedra Partida, de onde você vê uma cadeia enorme de montanhas cheia de verde, num visual de 360º. Em dias sem nuvens dá pra ver a Pedra do Baú, em São Bento do Sapucaí, todo o Vale do Paraíba além da Serra do Mar.

A Pedra Partida fica a 2.046 metros de altitude e tem nível de dificuldade médio. São 1,9 Km no total, que você deve fazer em cerca de 3 horas (ida + volta). A trilha, que é estreita, começa no mesmo portal em que começa a trilha da Pedra Redonda. Ela passa por trechos íngremes e ao lado de alguns abismos.

Em dezembro ela estava interditada por conta da pandemia.

10 – Trilha do Pico do Selado

Esta trilha leva ao ponto mais alto de Monte Verde, a 2.082 metros de altitude. Chegar lá é difícil, pois são 5 horas de caminhada (ida + volta). Para chegar ao topo é preciso fazer uma “escalaminhada”. Também estava interditada quando fomos.

11 – Passeio de Quadriciclo

O passeio de quadriciclo em Monte Verde é um clássico. Vão 2 pessoas em cada veículo, com um guia à frente (e normalmente outros turistas em outros quadris) percorrendo estradinhas de terra enlameadas. A graça é curtir a emoção do percurso e se sujar de lama e não necessariamente o ponto final.

Normalmente custa R$ 120 por quadriciclo, sendo que os dois passageiros podem se revezar na direção. O passeio dura 1 hora. Um lugar famoso onde você pode fazer esse tour é na Fazenda Radical, e você pode contratar diretamente com eles. As agências de passeio em Monte Verde também vendem o passeio, mas nem todas levam pra Fazenda Radical. Algumas levam pra um lugar chamado Fazenda Off Road.

12 – Passeio de UTV

Dirigir na lama era algo que a gente já sabia que queria, quando decidimos o que fazer em Monte Verde. Mas optamos pelo passeio de UTV invés do de quadriciclo, pois nunca havíamos andando de UTV e já conhecíamos a sensação de dirigir um quadri. Queríamos algo novo!

O UTV é um carro maior e mais estável que um quadriciclo, apesar de ser bem aberto e não ter portas. É tipo um “carro gaiola”. Suas pernas ficam mais protegidas. Achamos que seria mais seguro, já que li algumas pessoas no Tripadvisor dizendo que se machucaram no quadriciclo.

Vão duas pessoas no UTV, que também podem se dividir ao volante. O tour também dura 1h e você percorre o caminho que o guia (que vai à frente, em uma moto) mostra. Normalmente o passeio é feito num terreno da própria empresa que opera o tour, mas quando fomos havia chovido tanto que ele estava impraticável. Por isso, eles nos levaram para ruas de terra nos arredores do distrito.

Foi divertido, mas eu confesso que esperava mais emoção. Passamos só por 2 grandes poças de lama. No restante do tempo, dava perfeitamente pra evitar a lama se quiséssemos.

Pagamos R$ 225 pelo UTV.

mulher utv o que fazer em monte verde

Fazendo pose no UTV. Foto: Guia da agência.

13 – Fazenda Radical

Atrações em Monte Verde para quem curte aventuras não faltam. Na Fazenda Radical dá pra fazer:

  • Tirolesa de 1.050 metros de extensão (R$ 80)
  • Arvorismo (R$ 55)
  • Slack line (grátis)
  • Passeio de quadriciclo (R$ 120 por quadri)
  • Passeio de UTV (R$ 300 pelo veículo)
  • Arco e flecha (R$ 30)
  • Subir em parede de escalada (R$ 30)

A Fazenda Radical fica a cerca de 5 Km do distrito de Monte Verde e os atrativos não ficam colados uns nos outros. Então se você quiser fazer várias dessas aventuras, o ideal é ir de carro de um ponto pra outro. Quem faz mais de uma atividade tem desconto. A Fazenda Radical abre todos os dias, das 9h às 16h.

arvorismo o que fazer em monte verde

Arvorismo em Monte Verde. Foto: Marcelle Ribeiro.

14 – Trutário Paulo das Trutas

É muito comum encontrar truta nos cardápios dos restaurantes em Monte Verde. Pra quem tem curiosidade em saber como como esse peixe é criado, a visita ao trutário Paulo das Trutas é interessante. Tem vários tanques com peixes em diferentes tamanhos e placas com informações interessantes. Além disso, tem um corredor de hortênsias altamente instagramável…rsrrs.

E mais: no trutário tem um restaurante onde você pode comer truta de várias formas, com mesinhas ao ar livre com o correto distanciamento entre elas. A comida é uma delícia (veja mais abaixo, na parte de restaurantes de Monte Verde). Vale a pena também levar pastinha de truta vendida na lojinha pra casa.

O trutário fica na Rua da Floresta, 810. Cuidado que na cidade tem dois restaurantes do Paulo das Trutas, mas só o desse endereço tem os tanques de peixes.

trutário o que fazer em monte verde

Tanque com trutas e restaurante. Foto: Marcelle Ribeiro.

15 – Pousada do Avião

Um dos mais pitorescos pontos turísticos em Monte Verde é a Pousada do Avião (Viviê Pousada), em que a há um quarto dentro de um avião de verdade. Sim! Um avião foi trazido para o distrito em duas partes. A cabine dele está com painel preservado e na parte onde ficavam os assentos foi montada uma sala de estar com TV. O quarto mesmo fica na torre de comando (que imita a de um aeroporto), que é acoplada à aeronave por um finger!

Mas calma, a Pousada do Avião tem quartos “comuns” também. Quem não se hospeda no quarto especial só consegue ver ele de fora (sem ter que pagar). No Booking dá pra ver fotos do interior.

pousada do avião o que fazer em monte verde

Pousada do Avião. Foto: Marcelle Ribeiro.

16 – Mirante do aeroporto

O aeroporto de Monte Verde é minúsculo, mas ele atrai gente interessada em tirar foto em um muro onde há asas pintadas. E também pra ver a vista para as montanhas de lá.

mulher painel muro aeroporto o que fazer em monte verde

São só esses 2 desenhos no muro. Foto: Maridão.

17 – Pousada do Castelo

Outra pousada em que você pode dar uma passadinha pra ver a fachada é a Pousada do Castelo, que parece um castelinho de tijolinhos.

mulher pousada do castelo o que fazer em monte verde

Pousada do Castelo. Foto: Maridão.

18 – City tour de jipe

Todas as agências de turismo vendem um passeio de jipe 4×4 em Monte Verde que é o “city tour” da cidade. Normalmente custa R$ 400 por casal. Em cerca de 4 ah a 5h o roteiro normalmente leva a:

  • Pousada do Castelo
  • Pousada do Avião
  • Trutário Paulo das Trutas
  • Mirante do aeroporto
  • Trilha da Pedra Redonda (até o topo)

Mas vale lembrar que com exceção da Pedra Redonda, você consegue ir a todos esses lugares no seu carro 1.0, sem necessidade de 4×4. Ok, as estradinhas de terra são bem esburacadas, mas é super possível ir a quase tudo sem 4×4. Por isso, eu preferi contratar jipe só pra ir à Pedra Redonda.

19 – Passeio de Cavalo

Também dá pra conhecer parte da cidade em um passeio de cavalo, que passa, por exemplo, no Mirante do Aeroporto e no Campo de Margaridas (veja abaixo). Um haras que faz o passeio é o Haras MV.

cavalos pessoas o que fazer em monte verde

Cavalos no mirante do aeroporto. Foto: Marcelle Ribeiro.

20 – Campo de margaridas

É lugar instagramável que você quer quando pensa em o que fazer em Monte Verde? Então aí vai uma dica que você só vê aqui! Em um lugar onde vai ser um condomínio fechado de casas tem um lindo campo de margaridas, ótimo para fotos. E o melhor: é gratuito.

Para chegar lá vá até o Condomínio Reserva Grinberg. pegue a Avenida do Sol Nascente, no centrinho do distrito até o final. Depois, continue por uma rua que é continuação, passe por um campinho de futebol e suba mais um pouco. Você verá a portaria do condomínio. Diga que quer visitar, fale o seu nome e telefone na portaria e pronto!

mulher margaridas o que fazer em monte verde

Campo de margaridas. Foto: Maridão.

21 – Massagem na Lavandas na Varanda

A cerca de 30 Km do centro de Monte Verde fica o Lavandas na Varanda, um lugar lindo, com varandas para a mata, onde você pode fazer massagens corporais e outros procedimentos terapêuticos. Não tive tempo de ir, mas parece incrível. As massagens custam cerca de R$ 200 por 1 hora e incluem também chá de boas-vindas.

22 – Escola de Falcoaria

Um lugar para treinar falcões costuma atrair turistas em Monte Verde, pois lá eles podem interagir com os animais, deixando-os repousar em suas mãos. Eu não costumo mais fazer esse tipo de passeio, pois não tenho como ter certeza que os animais são tratados da forma correta e se a interação com centenas de turistas é algo que não atrapalha a vida deles. Mas coloquei aqui essa atração para você avaliar se quer mesmo conhecer.

Quantos dias ficar em Monte Verde

Fique de 2 a 3 dias. Eu passei 2 dias e consegui ver a grande maioria dos pontos turísticos em Monte Verde (veja sugestão de roteiro abaixo). Com 3 dias daria para fazer outra trilha da cidade. Eu fiz só a da Pedra Redonda, pois era a única aberta na época (por conta da pandemia).

Leia também: Monte Verde ou Campos do Jordão: Qual é mais sua cara?

esquilo arvore o que fazer em monte verde

Esquilo é um símbolo de Monte Verde. Foto: Marcelle Ribeiro.

Roteiro Monte Verde

Com base no que eu fiz por lá, segue uma sugestão para quem quer saber o que fazer em Monte Verde em 2 dias:

Dia 1:

  • Paradas pra ver as fachadas das pousadas do Avião e do Castelo e no Mirante do Aeroporto
  • Trilha da Pedra Redonda
  • Almoço tardio no centro de Monte Verde
  • Passeio de UTV

Dia 2:

  • Arvorismo e arco e flecha na Fazenda Radical
  • Lojinhas no Centro de Monte Verde (com passada pra ver a cervejaria mesmo fora do tour)
  • Visita ao Trutário Paulo das Trutas com almoço
  • Fotos no Campo das Margaridas
  • Orquidário MV
  • Destilaria Monte Verde

Não tenho 2 dias, o que fazer em Monte Verde em 1 dia? Fácil! Vá na Pedra Redonda, passeie e almoce no centrinho e depois vá fazer um passeio de UTV ou quadriciclo. Essas são as principais atrações de Monte Verde.

Prefere ver as dicas em vídeo? Assista abaixo!!

O que fazer em Monte Verde no Natal

Além das atrações que mencionei, tem mais o que fazer em Monte Verde no Natal. Em 2020 o distrito investiu em atrações natalinas, decorando as ruas com iluminação especial. O lugar mais instagramável era um túnel de luzes perto do restaurante Boteco do Lago. Além disso, havia um desfile com personagens natalinos na via principal do Centro, a Avenida Monte Verde, no início da noite todos os dias. Era algo mais pra crianças, pra adultos achei bobo.

Tinha também uma casa do Papai Noel com atividades recreativas para crianças, como desenho, arte e etc.

iluminacao natalina mulher o que fazer em monte verde

Iluminação natalina em Monte Verde. Foto: Maridão.

O que fazer em Monte Verde no Réveillon

Chegamos dia 31/12 em Monte Verde e ainda deu pra ver o desfile natalino e a decoração especial de Natal da cidade. Porém, as atividades da Casa do Papai Noel já haviam se encerrado.

Mesmo durante a pandemia a grande maioria dos restaurantes fez ceia especial de Ano Novo, alguns com música ao vivo. Um restaurante soltou fogos. Entretanto, não houve shows em praça pública ou festejos programados pela prefeitura até onde eu sei.

Contudo, tirando a noite da Virada, tem muito o que fazer em Monte Verde nessa época, pois no dia 1º de janeiro tudo estava aberto e todas as atrações funcionando normalmente.

Quanto custa uma viagem para Monte Verde

Agora que você já tem uma ideia melhor sobre o que fazer em Monte Verde, vamos às informações sobre custos! Os valores abaixo são por pessoa, considerando que você vai ter uma pessoa com quem dividir o quarto e rachar os custos.

  • Hospedagem: R$ 601 por diária em quarto duplo com varanda e banheira de hidromassagem em pleno Réveillon na Pousada Ahavanoah. Sim, a diária foi cara (R$ 1200 pra 2 pessoas), mas queríamos uma pousada melhor, porque estávamos com medo de a cidade entrar em lockdown e a gente ficar sem poder sair do quarto. Saiba onde ficar em Monte Verde (MG).
  • Alimentação: R$ 327,70, sendo:
    • Almoço no Paulo das Trutas – R$ 90,75
    • Jantar com comprinhas no supermercado – R$ 75,95
    • Almoço – R$ 75,89
    • Jantar com comprinhas no supermercado – R$ 43,86
    • Água – R$ 7,75
    • Jantar na pousada – R$ 30
    • Prímula – R$ 3,50
  • Passeios: R$ 252 no total.
    • Passeio de UTV – R$ 112
    • Trilha para a Pedra Redonda – R$ 140

Total: R$ 2382,70.

Dá pra gastar menos? Dá

Em resumo, ficou mais caro do que costumo gastar porque investimos numa pousada melhor e em altíssima temporada. Também não conseguimos economizar muito em comida porque comemos nos pouquíssimos restaurantes que estavam respeitando o distanciamento correto entre mesas e eram em local aberto. Por isso, o critério foi segurança do restaurante e não preço.

Além disso, passeios que seriam gratuitos fora de pandemia, como a trilha da Pedra Redonda, foram pagos (e caros!).

Restaurantes em Monte Verde

Já falamos tudo sobre o que fazer em Monte Verde, mas ainda não falamos de um item importante de lá, que é a gastronomia! Experimentamos poucos restaurantes em Monte Verde, porque, como eu disse, 95% dos estabelecimentos de lá não têm área descoberta e quando têm, não respeitam o correto distanciamento entre mesas. Então por lá indico o restaurante do Trutário Paulo das Trutas, que tem mesas na varanda e espaçadas. Comemos filé de truta com arroz e batatas coradas, com caipirinha, refri e água, por R$ 90,75 por pessoa.

Além disso, indico também o restaurante O Caipira, que tem comida mineira gostosa e poucas mesas espaçadas na varanda. Comemos linguicinha de entrada e de prato principal fomos de feijão tropeiro com costela, arroz e couve. Com caipirinha e refri saiu a R$ 75,89.

Por fim, na Casa do Strudel provamos strudel de banana (muito bom) e de maçã (sem graça), além de chocolate quente. Tem umas poucas mesinhas ao ar livre e espaçadas no fundo.

linguica restaurante monte verde

Linguiça do restaurante O Caipira. Foto: Marcelle Ribeiro.

Leia também:

Comentários

  1. Silvia
    10 maio 2021

    Irei amanhã, dia 11/05/21. Seu conteúdo é completíssimo, parabéns.

    • 11 maio 2021

      Oi, Silvia, bom dia. Que bom que gostou do conteúdo. Aproveite a viagem!
      Abs,
      Marcelle

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *