Onde ficar em Belém (PA)? Veja os melhores bairros e 13 hotéis

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 25/01/2021

Na hora de escolher onde ficar em Belém (PA), é importante considerar a localização de sua hospedagem. A capital do Pará oferece variedade de hotéis e apartamentos de temporada, mas nem todo bairro é seguro para se hospedar. Por exemplo, não recomendo que você fique perto do Centro Histórico, porque não é um local tão seguro, mesmo que a região tenha hospedagem barata em Belém do Pará e muitos pontos turísticos.

Abaixo, separei todas as dicas que você precisa saber na hora de escolher onde ficar em Belém, incluindo as características de cada região e algumas sugestões de hospedagem. Para facilitar, os melhores bairros estão no índice abaixo:

Nazaré
Batista Campos
Umarizal
Perto do Aeroporto de Belém

onde ficar em belem estaçao das docas

Estação das Docas em Belém. Foto: Marcelle Ribeiro.

Mapa

No mapa abaixo, estão todos os hotéis citados neste post, separados por cores:

  • Roxo – Nazaré
  • Azul – Batista Campos
  • Verde – Umarizal
  • Amarelo – Aeroporto Internacional

Onde ficar em Belém

Quando for escolher onde ficar em Belém, além de pensar em como vai ser seu deslocamento para as atrações e pontos turísticos, é importante levar em conta a questão da segurança. Outra dica é escolher um hotel que tenha piscina, porque o calor é grande por lá.

Os melhores bairros para se hospedar são Nazaré, Batista Campos e Umarizal, que são mais bonitos e não ficam distantes das principais atrações turísticas. Além disso, as ruas são mais bem conservadas e limpas e estão entre os mais seguros. Abaixo, vou explicar em detalhes sobre cada um deles, quais são as vantagens de ficar nesses lugares e dar algumas dicas de hotéis e pousadas.

Antes de tudo, explico que, além do hotel onde eu fiquei, também selecionei algumas hospedagens bem avaliadas pelos turistas. Assim, você tem mais opções para decidir. Para escolher hotéis e pousadas no Booking, levamos em consideração as acomodações que ofereçam quartos com ar-condicionado e tenham nota acima de 8. Já no Airbnb, selecionamos apartamentos de temporada que sejam de uso privativo e já tenham sido avaliadas por, pelo menos, 5 hóspedes.

Por fim, para facilitar a comparação de preços, todas as hospedagens foram orçadas para 2 pessoas em um mesmo final de semana, fora de feriado, em fevereiro de 2021. Colocamos em parênteses após o nome de cada uma o valor de 1 diária no quarto duplo mais simples disponível. Vamos às dicas?

onde ficar em belem basilica nazare

Basílica Santuário Nossa Senhora de Nazaré. Foto: Marcelle Ribeiro.

Nazaré

Nazaré é o bairro onde fica a Basílica Santuário Nossa Senhora de Nazaré e onde acontecem os festejos do Círio de Nazaré, celebrado no segundo domingo de outubro. Por isso, se você viajar no mês de outubro e quiser participar das procissões, essa é uma boa dica de região para se hospedar. No entanto, se for nessa época, mas preferir ficar longe das comemorações, é melhor evitar essa área, porque as ruas ficam lotadas.

Tirando essa particularidade em outubro, Nazaré é uma ótima opção de onde ficar em Belém. O bairro concentra grande oferta de hospedagens, além de ter ótima infraestrutura para turistas, com bela arquitetura, praças, parques, museus, cinemas, igrejas e vida noturna agitada. Além disso, andei a pé na região e me senti segura, durante o dia e à tarde.

Selecionamos hotéis em Belém do Pará no bairro Nazaré. Algumas opções são:

Além disso, também é possível encontrar apartamentos de temporada em Belém para alugar no Airbnb, como por exemplo:

Batista Campos

Também entre os bairros mais seguros de Belém, Batista Campos é uma região mais nobre e elegante, que conta com boa estrutura, incluindo restaurantes, farmácias e mercados. Por isso, é uma boa opção de onde se hospedar em Belém, tanto que foi o bairro que eu escolhi quando estive lá.

Me hospedei no New Inn Batista Campos. Gostei da hospedagem e voltaria a ficar lá. O hotel lembra os da rede Ibis (apesar de não pertencer a ela) pelo mobiliário e pelo fato de a pia ficar “fora” do banheiro. Além disso, achei super limpo, com ar-condicionado, armário, frigobar e cama confortável. O café da manhã era variado, com frutas tradicionais, pães, bolos, frios, leite e sucos regionais.

Ele fica quase na divisa com a região Central, que é feia e mal cuidada, com ruas sujas e mal cheirosas e moradores de rua. Apesar disso, a rua do New Inn é boa e há um ponto de táxi bem em frente, além de um shopping a 5 minutos a pé. Atualmente, as diárias custam a partir de R$ 139.

Outra dica na região é o Ibis Styles Belem Batista Campos (R$ 146).

onde ficar em belem New Inn Batista Campos

New Inn Batista Campos. Foto: Marcelle Ribeiro.

onde ficar em belem New Inn Batista Campos

New Inn Batista Campos. Foto: Marcelle Ribeiro.

Umarizal

Bairro nobre, o Umarizal é outra boa opção de onde ficar em Belém. A região tem muitas residências, mas tem uma característica mais boêmia, com bares, restaurantes e vida noturna mais agitada. Por conta da boa localização, as diárias dos hotéis podem ser um pouco mais caras, mas é uma área em que vale a pena se hospedar.

Uma das hospedagens mais bem avaliadas é o Mercure Belém Boulevard.

Além disso, algumas dos apartamentos de temporada em Belém disponíveis no Airbnb são este apartamento para 5 hóspedes (R$ 149), este flat para 2 hóspedes (R$ 188) e este loft para 4 pessoas (R$ 185).

onde ficar em belem flat Umarizal

Flat em Umarizal. Foto: Airbnb.

Perto do Aeroporto de Belém

Outra possibilidade é escolher um hotel em Belém perto do Aeroporto Internacional de Belém/Val-de-Cans (Júlio Cezar Ribeiro). A região não é a melhor opção para quem vai a turismo ou pretende passear pelo Centro, já que fica a cerca de 10 km de distância (20 minutos de carro, de acordo com o Google Maps). No entanto, pode ser uma localização interessante para quem vai fazer uma viagem a trabalho, por exemplo, e precisa ficar perto do aeroporto.

O Hotel Antiga Roma (R$ 170) é uma das opções disponíveis no Booking.

onde ficar em belem Hotel Antiga Roma

Hotel Antiga Roma. Foto: Booking.

Onde não ficar em Belém

Não recomendo a região Central como opção de onde ficar em Belém, porque não é seguro, apesar de ter hotéis baratos. Em Campina, por exemplo, é onde ficam o Mercado Ver-o-Peso, a Estação das Docas e o Theatro da Paz. Durante o dia, o bairro é movimentado, mas à noite é deserto.

No meu primeiro dia em Belém, cheguei a ir andando do hotel até o Mercado Ver-o-Peso e as atrações da região Central, como Forte do Presépio, Catedral e Museu do Círio. No entanto, achei a região não muito amigável, com muitos ambulantes, sujeira e moradores de rua. Inclusive, os próprios moradores da cidade chegaram a me orientar a não andar por lá sozinha.

Além disso, quando perguntei a moradores como ir do Forte do Presépio até o Mangal das Garças, me sugeriram ir de táxi, apesar de ser um trajeto que eu poderia fazer em 15 minutos andando. E quando comentei com o taxista que havia andado do hotel até o Ver-o-Peso, ele fez cara de espanto, dizendo não ser seguro. Não sei se era implicância dele, mas confesso que fiquei meio cabreira e passei a andar de táxi nos meus deslocamentos à noite, mesmo para curtas distâncias. Os bairros Cidade Velha ou Condor, perto da Baía do Guajará, também não me pareceram bons.

onde ficar em belem mercado ver-o-peso

Mercado Ver-o-Peso, em Belém. Foto: Marcelle Ribeiro.

Conclusão – Onde ficar em Belém

Para concluir, na hora de escolher onde ficar em Belém, é importante escolher um bairro que te passe segurança para andar e passear à vontade. Por isso, recomendo que você evite as regiões Centrais e dê preferência a bairros nobres, como Nazaré, Batista Campos e Umarizal, que oferecem melhor infraestrutura, embora sejam um pouco mais caros.

E você, tem alguma dica de hotéis em Belém do Pará? Conte para a gente nos comentários!

Leia também:

Comentários

  1. Taiana
    05 out 2016

    Oi Marcelle td bem? Estou amando seus posts sobre Belém! Tô querendo conhecer a cidade e queria saber se na maioria das vezes vc se sentiu segura na cidade? Eu sei q nunca estamos 100% seguros mas como eu vou sozinha e não tem muitos relatos pela internet tenho essa dúvida, pretendo ficar uns 3 dias… Obrigada

    • 10 out 2016

      Oi, Taiana,
      Me senti segura sim, apesar de muitas pessoas da região terem dito que é uma cidade meio perigosa. É só evitar andar pelo centro sozinha, mas mais pela muvuca de gente e pelos moradores de rua. Apenas quando fui para a lanchonete A Portinha é que fiquei meio cabreira, porque é numa viela apertada e deserta e me disseram que não é seguro. Mas eu não deixaria de viajar para lá por isso.
      Abs

  2. Maria Rissi
    09 fev 2017

    Prazer Marcelle gostei muito saber tanto assunto sobre Belém, pretendo ir Julho/17, completando com Marajó, seguirei algumas idéias suas. Agradecida

  3. DENISE
    21 abr 2017

    Oi, Marcelle! Por favor, me esclareça uma coisa: será que no mês de julho a temperatura é um pouco mais agradável que em novembro? Estou entre viajar a Belém-Marajó, entre julho e novembro. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *