Pipa (RN): Onde ficar e onde comer

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 26/06/2019
Compartilhar este artigo:

Charmoso distrito da cidade de Tibau do Sul, Pipa é daqueles vilarejos de praia com vida própria e muitas opções de hospedagem e gastronomia. É no centrinho da vila que está boa parte dos restaurantes e bares e onde é mais bacana se hospedar, para ficar perto não só da vida noturna, mas também das praias e de mercadinhos, agências de passeio, lojinhas e comércio em geral.

Eu estive lá na semana passada e fiquei na Pousada da Vovó. Como eu estava viajando sozinha, preferi ficar em uma pousada perto da avenida principal, a Avenida Baía dos Golfinhos, para não ter que andar muito tempo desacompanhada à noite. Além disso, busquei uma pousada econômica, pois não tinha ninguém para dividir a diária do quarto comigo.

Gostei da Pousada da Vovó. Apesar de ser simples, e não ter área de convivência para os hóspedes, ela tinha o que era importante para mim: era limpa, tinha ar condicionado, TV, banheiro privativo e está a 5 minutos da avenida principal. O café da manhã é beeem simples: 3 tipos de pão, queijo, presunto, café, 2 tipos de suco, 1 bolo e 3 tipos de fruta, além de tapioca feita na hora. Mas deu pro gasto. A R$100 a diária, foi um ótimo negócio.

Procurando hotel? O Booking tem opções para todos os bolsos. Reserve por esse link, que tem o meu código, e ajude o blog.

É bem verdade que em um dia o chuveiro elétrico falhou e a água do ralo do box demorava a descer, mas comuniquei os problemas e eles foram resolvidos. A decoração poderia melhorar, principalmente a do café da manhã.

Pousada da Vovó, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Pousada da Vovó, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Pousada da Vovó, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Pousada da Vovó, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

 

Onde comer

Pipa (RN) oferece muitas opções de restaurantes, bares e lanchonetes, principalmente no centrinho da vila. E o melhor: comer camarão (amo!) a preços baixos é fácil, pois essa delícia é produzida ali pertinho, nas fazendas de camarão da região.

DESCONTO DE 5% no Esquenta Black Friday para aluguel de carro na Rentcars, com o cupom NOVEMBER. Vale até 30/11, com retirada do carro até 31/12! Compare preços de várias locadoras!

A maior parte dos restaurantes se concentra na principal via do centrinho de Pipa, a Avenida Baía dos Golfinhos, e nas ruas perpendiculares a ela. Mas também há boas opções nas praias, em barracas bacanudas. E há preços para todos os bolsos: desde os que gostam de algo mais moderninho e descolado aos que querem uma refeição barata e simples.

Mas aviso logo: na hora do almoço, pouca coisa abre na Avenida Baía dos Golfinhos, onde o movimento é à noite. Talvez seja melhor garantir seu almoço nos restaurantes e barracas das praias, apesar de os preços por lá não serem dos melhores.

Vamos às dicas?

 

Pipa Beach Club

Achei esse lugar fantástico. É um restaurante descolado sem ser pretensioso na praia do Centro de Pipa, com vista para o mar, almofadões, rede, piscina, chuveirão e um cardápio com drinks, petiscos e pratos variados a preços honestíssimos. Eles têm várias opções inspiradas na cozinha tailandesa e eu experimentei uma delas e não me arrependi.

Comi camarões com legumes cozidos, arroz, castanhas e gergelim e amei. A refeição, para uma pessoa, mais guaraná, custou R$ 40.

O Pipa Beach Club funciona para almoço e jantar.

Pipa Beach Club. Foto: Marcelle Ribeiro

Pipa Beach Club. Foto: Marcelle Ribeiro

Pipa Beach Club. Foto: Marcelle Ribeiro

Pipa Beach Club. Foto: Marcelle Ribeiro

Real de 14

Uma sorveteria de argentinos com um nome inspirado em uma cidade mexicana em pleno Nordeste poderia dar no quê? Em sorvetes deliciosos e diferentes! Eleita várias vezes como uma das melhores sorveterias do estado, a Real de 14 é imperdível. Tem desde sabores de frutas da região até os que levam bebida alcoólica (como caipirinha e whisky) e os deliciosos sorvetes mais cremosos, como o imperdível “leite ninho crocante” e nutella.

Uma bola custa R$ 8. A Real de 14 fica na Avenida Baía dos Golfinhos, 617 e fica aberta de manhã até de noite.

IMG_3867

Sorveteria Real de 14, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Aruman

A Aruman é uma creperia com ambiente descolado e light, que serve drinks e crepes com uma massa fininha e leve, deliciosos. Adorei o de queijo com tomate: simples, mas saboroso. Com um refri, paguei R$ 30.

A Aruman fica na Avenida Baía dos Golfinhos, 37, no centrinho de Pipa,

Creperia Aruman, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Creperia Aruman, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Creperia Aruman, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Creperia Aruman, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

Espaço Lampião

Dois restaurantes de Pipa, do mesmo grupo, levam o nome de Lampião. Um  deles é um comida a quilo amplo, no início da Avenida Baía dos Golfinhos, ponto de parada para excursões. O quilo é barato, menos de R$ 40. Não provei.

Fui no outro, o Espaço Lampião, mais bonito e arejado, com vista para o verde e para o mar. Mais caro, ele só serve a la carte e fica na Avenida Baía dos Golfinhos, 50. Como a fome era pouca, comi filé de frango grelhado com molho de mostarda e batata corada. Troquei o arroz por uma saladinha verde e fiquei satisfeita. A conta, com uma água, deu R$ 45. É um dos poucos da avenida principal que abrem para o almoço. Também funciona à noite.

IMG_3890

Restaurante Espaço Lampião, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

IMG_3893

Restaurante Espaço Lampião, em Pipa. Foto: Marcelle Ribeiro.

 

Camarão na Fazenda

Apesar de o restaurante não ficar propriamente dito em Pipa, mas sim na cidade vizinha de Canguaretama, indico ele aqui pois se você fizer o passeio de jipe 4×4 para Sibaúma e Barra do Cunhaú provavelmente vai ser levado para almoçar lá. Fique tranquilo, pois, apesar de ser “no meio do nada”, o Camarão na Fazenda é bem gostoso.

O restaurante serve vários pratos de camarão e peixe, todos, em média, R$ 100 para 2 pessoas. Nosso grupo seguiu a dica do nosso guia e foi de meca, um peixe bem saboroso, típico da região. Ele veio em uma posta gigante, grelhado na chapa, acompanhado de salada, arroz e pirão. Era para 2 pessoas, mas servia fácil 3 pessoas. Uma delícia.

O espaço tem redes para o cochilo depois do almoço, cavalo, área de tiro ao alvo, rede de vôlei, caiaque para usar no rio vizinho e slack line. Tudo de graça. Mas não tem uma “fazenda” de produção de camarão, como o nome pode dar a entender.

161

Restaurante Camarão na Fazenda. Foto: Marcelle Ribeiro.

Reserve sua hospedagem em Pipa pelo Booking clicando aqui e ajude o blog a ganhar uma pequena comissão sem pagar nada a mais! (saiba como funciona essa parceria aqui)

Ao reservar o seu carro pelo portal Rentcars por esse link, você compara preços de várias locadoras, consegue descontos e colabora com o Viciada em Viajar.

 

Leia também:

Leia tudo sobre Pipa (RN)

Rio Grande do Norte: sugestão de roteiro de 8 dias de viagem

Veja o índice de posts sobre Natal

Compartilhar este artigo:

Comentários

  1. Danilo R.
    18 abr 2018

    Adorei as dicas. Vamos conferir esse fds!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *