Roteiro em Tiradentes (MG) de até 4 dias sem complicação

postado por Marcelle Ribeiroe atualizado em: 07/08/2020

Como montar um roteiro em Tiradentes (MG)? Esta cidade de Minas Gerais é cheia de pontos turísticos charmosos, casinhas coloridas, igrejas, passeio de Maria Fumaça… E ainda tem dois bate-volta que valem a pena…Então, quantos dias ficar? E o que dá para conhecer em cada dia?

Para quem quer saber o que fazer em Tiradentes em 4 dias, eu escrevi o meu roteiro, que teve essa duração. Porém, quem tem menos tempo também não ficará na mão, porque eu também vou dar dicas de o que fazer em Tiradentes em 3 dias, 2 dias e até 1 dia! Começarei com meu roteiro e, na sequência, coloco as sugestões mais curtinhas, ok? Segue o índice deste post:

Quantos dias ficar em Tiradentes
Roteiro Tiradentes 4 dias
Roteiro Tiradentes 3 dias
Roteiro Tiradentes 2 dias
Roteiro Tiradentes 1 dia
Para onde esticar a viagem a partir de Tiradentes?

Quantos dias ficar em Tiradentes?

Para quem quer saber quantos dias ficar em Tiradentes, a resposta é: fique 3 ou 4 dias (contando com o tempo de chegar até lá e voltar, se você for para Tiradentes partindo do Rio de Janeiro ou de Belo Horizonte). Desta forma, você consegue conhecer não apenas Tiradentes, mas também duas cidades vizinhas que valem a visita: São João del Rei e Bichinho.

Eu fui num feriado de 4 dias e deu tempo de ver tudo com muita calma. Porém, com 3 dias também dá para ver tudo, mas com dias um pouquinho mais cheios.

vista cidade roteiro tiradentes

Vista da cidade de Tiradentes. Foto: Marcelle Ribeiro.

Roteiro Tiradentes 4 dias

O nosso roteiro em Tiradentes teve 4 dias, contando o dia de chegada e retorno para o Rio de Janeiro. Primeiramente vou falar sobre nossos planos sobre que fazer em Tiradentes em 4 dias. E, em seguida, explico a razão das mudanças que tivemos que fazer.

Ah, para saber mais detalhes de cada ponto turístico (preços, horários, e se valem ou não a pena), recomendo a leitura do post O Que Fazer em Tiradentes.

Dia 1: Centro Histórico

Chegada em Tiradentes na hora do almoço. Fomos provar comida mineira no restaurante Dona Xica (veja aqui um post sobre Onde Comer em Tiradentes).

Logo depois, fomos passear a pé no Centro Histórico. Começamos pela praça do Largo das Forras e subimos a rua da Direita, mas não fomos até o final dela. Pegamos a esquina da Rua Padre de Toledo e fomos fotografando casinhas coloridas até chegar na Estátua de Tiradentes e na Capela de São João Evangelista.

Seguimos a Rua Padre de Toledo até a Igreja da Matriz de Santo Antônio. Entramos na igreja e tiramos fotos da cidade do alto. Em seguida, descemos a Rua da Câmara e andamos novamente até a Rua da Direita, para irmos até o Museu de Sant’Ana.

Jantamos no Sabor com Arte.

Dia 2: Cachoeiras de Tiradentes e mais centro histórico

O plano para esse dia era conhecer uma das trilhas e cachoeiras em Tiradentes. Cogitamos a cachoeira da Viúva e a cachoeira do Mangue, mas nossos planos de ecoturismo em Tiradentes caíram por terra, porque eu tive uma crise fortíssima de coluna e passei a manhã deitada no nosso hotel. Se não fosse por isso, teria dado tempo de ir à cachoeira do Mangue, que é perto e dizem que não precisa de guia.

Me sentindo melhor no início da tarde, começamos nosso segundo dia de roteiro em Tiradentes com fotos na fachada da Igreja Nossa Senhora das Mercês. Na sequência, almoçamos no restaurante Mãe Terra, no Largo das Forras. Em seguida, andamos pela Rua Direita até a Queijaria Ouro Canastra para provar as delícias de lá.

Logo depois, entramos na Igreja Nossa Senhora do Rosário (não vale a pena) e no Museu da Liturgia. Fomos curtir o final de tarde no Morro da Capela São Francisco de Paula, vendo a cidade do alto. Lindo. Jantamos no Ristorante Sapore D’Italia, no Largo das Forras (centro histórico).

casa colorida roteiro tiradentes

O centro histórico tem casinhas coloridas e preservadas em Tiradentes. Foto: Maridão.

Dia 3: Passeio para São João del Rei (com ou sem Maria Fumaça)

Pela manhã e início da tarde, fizemos um passeio para São João del Rei. Optamos por não fazer o passeio de Maria Fumaça em Tiradentes que vai para São João del Rei porque preferimos ir de carro até a cidade, que fica a 11 Km, porque queríamos economizar.

Mas se você quiser saber preços dos ingressos, horários e telefones, sugiro que veja no nosso post O que Fazer em Tiradentes.

Em São João del Rei, estacionamos ao lado do Museu Ferroviário, que foi nossa primeira atração. Deu para tirar foto da Maria Fumaça em funcionamento. Conhecemos tudo na cidade a pé.

Vimos alguns prédios históricos a caminho da principal igreja da cidade, a Igreja São Francisco de Assis, que conhecemos por dentro. Logo após, visitamos o Memorial Tancredo Neves. Em seguida, almoçamos num comida a quilo ali perto, o ótimo e barato restaurante Villeiros.

Na sequência, andamos para ver as fachadas da Igreja Nossa Senhora do Rosário, do Solar dos Neves e de casinhas coloridas. Caminhamos pela Rua Getúlio Vargas até a Basílica Nossa Senhora do Pilar, que conhecemos por dentro. Terminamos o tour e São João del Rei com fotos da fachada da Igreja Nossa Senhora do Carmo.

De volta a Tiradentes, descansamos um pouco. Depois, fomos ver, no início da noite, o espetáculo Roteiro Narrado (de luzes) na Igreja da Matriz de Tiradentes, onde ainda vimos um concerto de órgão e música clássica. Jantamos no restaurante  Atrás da Matriz.

museu ferroviário são joão del reiroteiro tiradentes

Museu Ferroviário em São João del Rei. Foto: Marcelle Ribeiro.

Dia 4: Bate-volta para Bichinho

Fizemos o check out, colocamos as malas no carro e, no nosso último dia de roteiro em Tiradentes, fomos para um vilarejo vizinho, chamado Bichinho. Começamos com uma visita ao Museu do Automóvel da Estrada Real, que eu amei. Logo após, fomos fotografar a Casa Torta e andar pelos ateliês e lojinhas de artesanato que fazem a fama de Bichinho.

Em seguida, provamos queijos e cachaças na cachaçaria Mazuma Mineira. Na sequência, pegamos o carro e fomos até o final do vilarejo de Bichinho, para ver mais lojinhas, fotografar uma igrejinha e almoçar comida mineira no restaurante Tempero da Ângela. No início da tarde, concluída toda nossa lista de o que fazer em Tiradentes em 4 dias, voltamos de carro para o Rio de Janeiro.

Saiba mais sobre Bichinho (MG) no nosso post sobre o vilarejo.

carros antigos museu do automóvel bichinho

Museu do Automóvel de Bichinho. Foto: Marcelle Ribeiro.

Roteiro Tiradentes 3 dias

Decidir o que fazer em Tiradentes em 3 dias não é difícil. Minha sugestão:

Dia 1:

Chegada e almoço. Tarde no Centro Histórico de Tiradentes: Largo das Forras, Estátua de Tiradentes, fotos no casario, Capela de São João Evangelista. Em seguida, visita à Igreja da Matriz de Santo Antônio e Museu de Sant’Ana.

Dia 2:

Bate-volta para São João del Rei, incluindo Museu Ferroviário e foto da Maria Fumaça, Igreja de São Francisco de Assis, Memorial Tancredo Neves, casario colorido e Basílica Nossa Senhora do Pilar. Resto da tarde em Tiradentes, com comprinhas e ida no fim de tarde ao Morro da Capela São Francisco de Paula.

Dia 3:

Antes de ir embora de Tiradentes, vá no Museu da Liturgia. Depois vá conhecer o vilarejo de Bichinho. Logo após, vá no Museu do Automóvel e na Casa Torta. Para concluir a lista de o que fazer em Tiradentes em 3 dias, almoce no Tempero da Ângela, lojinhas de artesanato e a cachaçaria Mazuma Mineira. Por fim, retorne no meio da tarde para sua cidade.

igreja matriz roteiro tiradentes

Igreja da Matriz de Tiradentes. Foto: Marcelle Ribeiro.

Roteiro Tiradentes 2 dias

Com um final de semana em Tiradentes seu roteiro vai ficar bem puxado. Por isso, sua listinha de o que fazer em Tiradentes em 2 dias deve se ater ao imperdível. Em resumo, ficaria assim:

Dia 1

Após chegar e almoçar, passeie a pé no Centro Histórico de Tiradentes. Em seguida, veja a Igreja da Matriz de Santo Antônio, o Museu de Sant’Ana, casario colonial e passe o fim de tarde no Morro da Capela São Francisco de Paula. Se você for num fim de semana em Tiradentes, dá para ir, à noite, no Roteiro Narrado na Igreja da Matriz e também assistir a um concerto de órgão. Jante nos restaurantes avarandados do Largo das Forras.

Dia 2

Bate-volta para São João del Rei: visita ao Museu Ferroviário com fotos na Maria Fumaça, Igreja de São Francisco de Assis, Memorial Tancredo Neves. Vá almoçar em Tiradentes, faça umas comprinhas e retorne para sua cidade.

Você também pode ver todas as dicas de Tiradentes no vídeo abaixo!

Roteiro Tiradentes 1 dia

Fiz uma lista de o que fazer em Tiradentes em 1 dia presumindo que você terá este dia inteiro. Então, comece seu roteiro em Tiradentes de 1 dia caminhando pelo centro histórico vendo o casario colorido. Vá na Igreja da Matriz de Santo Antônio, no Museu de Sant’Ana. Almoce no Largo das Forras. Em seguida, faça umas comprinhas, veja a vista no alto do Morro da Capela São Francisco de Paula, mesmo que ainda não seja final da tarde.

Se der para dar uma passadinha no Museu do Automóvel, em Bichinho, a 7 km de Tiradentes, vale a pena. Ele fecha às 18h.

estátua nossa senhora menino jesus museu sant'ana

Museu de Sant’Ana, em Tiradentes. Foto: Marcelle Ribeiro.

Roteiro Tiradentes – Para onde “esticar” a viagem?

Quer aproveitar a viagem para conhecer outras cidades mineiras? Quem sabe você não faz um roteiro em Tiradentes e em Ouro Preto também? Veja algumas distâncias a partir de Tiradentes:

Pra quem quer uma sugestão de roteiro de viagem de 7 dias por Minas Gerais, o blog Fora da Zona de Conforto fez um que inclui Tiradentes, São José del Rei, Ouro Preto e BH.

Leia também:

Comentários

  1. 15 jun 2020

    teste plugin email

  2. MARCELLE RIBEIRO DE SOUZA
    15 jun 2020

    teste plugin email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *