Seguro saúde viagem internacional vale a pena?

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 04/06/2019
Compartilhar este artigo:

Viagem pro exterior marcada e você naquela dúvida: seguro saúde viagem internacional vale a pena? Eu já usei 2 vezes, em 2 países diferentes e te conto!

 

Seguro saúde viagem internacional: onde eu usei

Minha ida a Bariloche não tinha como objetivo principal esquiar. A ideia era só fazer uma aula mais “na brincadeira”, sem grandes pretensões. Eu e minha mãe pagamos até uma aula particular. E nem arriscamos ir ao topo do Cerro Catedral. Ficamos ali na base mesmo.

Só que depois de uns 30 minutos tentando esquiar, eu caí tão feio que só levantei com ajuda de outras turistas. Os joelhos doíam horrores. Tomei um anti-inflamatório que eu mesma comprei na farmácia, e ainda doía. No dia seguinte, cancelei o passeio da manhã e  dormi até tarde. Passei dois dias fazendo passeios bem leves.

Mas… não adiantou. De volta a Buenos Aires, fui direto em um hospital indicado pela seguradora que contratei. Fui super bem atendida e não paguei nada. Tive que tomar injeções nos dias seguintes em farmácias. Todos os medicamentos que comprei lá foram reembolsados quando voltei ao Brasil.

seguro viagem internacional vale apena queda esqui bariloche

Quedas no esqui são bem comuns!

 

Seguro Viagem: América do Sul
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
AT 40 INTER AT 40 INTER Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 27/dia*
AT 60 INTER AT 60 INTER Assistência médica USD 60.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 39/dia*

Seguro saúde viagem internacional também cobre exames caros?

Anos e anos se passaram sem eu ter que ir a um médico no exterior.  Eu já tinha comprovado que seguro saúde viagem internacional vale a pena, mas não esperava que  ele cobrisse até exames caros e que eu fosse ser tão bem atendida em um lugar tão distante quanto a Indonésia. E olha que eu tomei 500 vacinas antes de ir para a Ásia.

Eu estava na remota ilha de Gili Trawangan e super ansiosa e com medo de fazer um mergulho de cilindro. Temia que  ficaria ansiosa lá debaixo d’água e que ia subir à tona rápido demais e ia acabar estourando o tímpano. Acordei no dia marcado para o mergulho super ansiosa e sentindo pontadas no peito. (Veja aqui como foi minha viagem a Gili Trawangan, o que fazer e onde ficar)

Fiz o treinamento na piscina da escola de mergulho e as pontadas no peito continuavam. Desisti do mergulho e fui relaxar na praia. Achava que as pontadas iam passar. Só que não passaram.

No dia seguinte o peito doía e o ombro e o braço também. Liguei pro seguro saúde viagem internacional e eles me indicaram um hotel chique da ilha onde havia um médico e até um aparelho de ecocardiograma, ambulancha e tudo. Tudo 24h. Fui super bem atendida.

O ecocardiograma não mostrou problema nenhum. Obedeci às indicações do médico para descansar pelos próximos  3 dias.

gili tranwangan praia

No dia antes de passar mal na Indonésia. Foto: Marcelle Ribeiro

Exames em hospital chique da Indonésia

Cheguei em Bali e, novamente após ligar para o seguro (que me atendeu em  português), fui em um grande hospital particular da ilha, lindo, todo chique. A cardiologista que me atendeu em inglês perfeito fez novo ecocardiograma  e um exame de sangue.

Resultado: a minha ansiedade fez com que meu corpo liberasse enzimas que causam dor no peito, que  parecem um ataque cardíaco, mas não são. Da hora em que entrei no hospital até a hora em que saí já com os resultados dos exames e com remédio (grátis) na mão, levei apenas 2h.

Depois disso, pude viajar as  23h de avião de volta pro Brasil tranquila, sem medo de passar mão em pleno céu.

Eu indico a compra de seguro viagem internacional pela empresa Seguros Promo, que é o maior comparador de empresas de seguro do Brasil. No site, você pode escolher  entre várias empresas, comprar direto, na hora e em poucos minutos já pode viajar. Ah, e sem IOF,  e parcelando. Clique nesse link, use o meu código VICIADAEMVIAJAR5 e ganhe desconto.

 

Seguro viagem internacional obrigatório

É sempre bom lembrar que se você vai a algum dos países da Europa que assinaram o tratado Schengen, o seguro viagem internacional é obrigatório e pode ser exigido na imigração. Ele tem que ter cobertura mínima de 30 mil euros.

Países que assinaram esse tratado: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça, Liechtenstein e Chipre.


Seguros Promo

Conclusão

Em conclusão: seguro saúde viagem internacional vale a pena sim! Cada centavo!

 

Leia também:

 

Compartilhar este artigo:

Comentários

  1. Adelia
    21 jul 2019

    Oi, Marcelle.
    Já precisei de atendimento odontológico durante uma viagem a Miami, acionei o meu seguro viagem e também fui super bem atendida.
    Não dá mesmo pra viajar sem este seguro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *