Natal (RN): Onde ficar, onde comer e como ir do aeroporto à cidade

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 24/10/2016
Compartilhar este artigo:

Natal (RN) é um polo de onde partem passeios interessantes para todos os gostos: para quem curte ficar de bobeira na praia, para quem quer mergulhar para ver os peixinhos em águas azuis lindíssimas, para os que gostam de banho de rio e para aqueles que são curiosos para ver salinas e até um cajueiro gigante. E mais: é uma cidade onde a gastronomia é uma atração à parte, com culinária rica em pratos de camarão (afinal o Rio Grande do Norte é um grande produtor) e em comidas nordestinas.

Estive em Natal há poucos dias e  vou dar umas dicas gerais neste post. Vambora?

 

Procurando hotel? O Booking tem opções para todos os bolsos. Reserve por esse link, que tem o meu código, e ajude o blog.

Como ir do aeroporto à cidade

Natal ganhou um novo aeroporto que, para tristeza dos turistas, é mais distante da praia de Ponta Negra que o anterior, onde está concentrada a maior parte dos hotéis. Na verdade, o novo aeroporto fica em São Gonçalo do Amarante, cidade a cerca de 40km de Ponta Negra. Com isso, ir de táxi ficou mais caro, principalmente para quem viaja sozinho.

Graças a Deus há várias empresas que fazem transfer entre o aeroporto e hotéis a um preço justo. Na saída do desembarque, logo após pegar as malas, você vai dar de cara com escritórios de várias delas, mesmo se você chegar às 1h40 da matina, como foi o meu caso. Eu usei o serviço da Van Service, que me cobrou R$ 40 para me deixar na porta do meu hotel em Ponta Negra. Para duas pessoas ou mais, o preço é mais barato: R$ 30 por pessoa.

Levei 1h30 desde a hora em que entrei no escritório deles até a chegada ao hotel. Apesar de a viagem nesse horário não ter trânsito, levei mais que os 40 minutos estimados para percorrer os 40 km até o hotel, pois tive que esperar acabar o desembarque de todos os passageiros do meu voo e também de outro voo que chegou logo após o meu. É que a empresa fica esperando todo mundo desembarcar para ver quantos passageiros terá e organizar quem vai em qual van. Além disso, várias pessoas foram levadas aos seus hotéis antes de mim, naturalmente.

DESCONTO DE 5% no Esquenta Black Friday para aluguel de carro na Rentcars, com o cupom NOVEMBER. Vale até 30/11, com retirada do carro até 31/12! Compare preços de várias locadoras!

O pagamento só pode ser feito em dinheiro.

Se estiver em grupo de 4 ou 5, considere alugar um carro, pois pode ficar mais barato. Ao reservar o seu carro pelo portal Rentcars por esse link, você compara preços de várias locadoras, consegue descontos e colabora com o Viciada em Viajar.

 

Onde ficar

Ponta Negra é o bairro onde está concentrada a grande maioria dos hotéis. É também onde está a melhor praia urbana de Natal e onde há vários restaurantes e bares, além de feirinhas de artesanato. Então, não resta dúvida: é aqui que você deve ficar.

Saiba, porém, que as ruas próximas à praia são inclinadas e estreitas.

Nesta viagem que fiz a Natal, me hospedei no Paradise Ponta Negra Flat, que fica na Avenida Roberto Freire. Achei a localização ótima. Dá para ir a pé a um dos restaurantes mais famosos da cidade, o Camarões. Além disso, há outros restaurantes e bares bem próximos, além de um centro de venda de artesanato e farmácias. Para ir à praia, basta andar um pouquinho.

O quarto em que me hospedei (ganhei duas diárias de cortesia do flat) era grande, com vista lateral para o mar, frigobar, Tv e microondas. O wifi funcionou bem. Mas o hotel precisa de manutenção: o teto do banheiro estava com uma mancha escura grande e a porta do banheiro tinha um buraco na parte interna. O ar condicionado split demorava a esfriar o ambiente.

Ponta Negra é o bairro que concentra mais hotéis em Natal. Foto: Marcelle Ribeiro.

Ponta Negra é o bairro que concentra mais hotéis em Natal. Foto: Marcelle Ribeiro.

 

Hotel Paradise Ponta Negra Flat. Foto: Marcelle Ribeiro.

Hotel Paradise Ponta Negra Flat. Foto: Marcelle Ribeiro.

Hotel Paradise Ponta Negra Flat. Foto: Marcelle Ribeiro.

Hotel Paradise Ponta Negra Flat. Foto: Marcelle Ribeiro.

Onde comer

Comer camarão em Natal é um programa obrigatório. Quando estive em Natal pela primeira vez, em 2011 (leia sobre esta viagem aqui), fui a dois restaurantes famosos da cidade: o Camarões e o Tábua de Carne (nem preciso explicar qual a especialidade de cada um deles, né?). Amei os dois. Além de muitos gostosos, ambos têm pratos muito bem servidos (o de 2 pessoas costuma dar para 3 pessoas).

Nesta viagem que fiz na semana passada, vi que os preços dos pratos de camarões no Camarões estão em cerca de R$ 100 para 2 pessoas. Vale lembrar que há 3 unidades do restaurante Camarões em Natal, sendo duas delas em Ponta Negra e uma no Natal Shopping (veja como chegar aqui).

Acabei não indo novamente nele nesta viagem que fiz a Natal em março, mas vi que os pratos de camarão para duas pessoas estava custando cerca e R$ 100.

Nesta minha ida recente a Natal, experimentei e aprovei o Farofa D’Água, indicado pelo Guia 4 Rodas. Ele serve desde pratos com camarão a carnes, como carne de sol. Eu adorei o camarão com cubinhos de queijo coalho, batata cozida, champignon e pimentão, acompanhado de arroz com castanhas. Achei bacana eles cobrarem, pelo prato individual, 50% do valor do prato duplo (o Camarões, por exemplo, cobra 70%). Com um refrigerante, a minha conta deu R$ 50. Outra coisa interessante é que eles oferecem transfer grátis na ida e na volta de turistas hospedados em Ponta Negra. Basta ligar e em 15 minutos a van chega. Na volta, tem sempre van saindo do restaurante.

O Farofa D’Água fica na Av. Praia de Ponta Negra, 1952, em Ponta Negra.

Camarão do restaurante Farofa D'Água. Foto: Marcelle Ribeiro

Camarão do restaurante Farofa D’Água. Foto: Marcelle Ribeiro

 

O que fazer em Natal

Muita gente que vai a Natal, na verdade, não fica muito tempo na capital propriamente dita, pois a oferta de passeios nos arredores é grande e as praias são mais bonitas. Eu dedicaria apenas um dia à capital. Nele, minha sugestão é ir à Praia de Ponta Negra e visitar o Forte dos Reis Magos e o maior cajueiro do mundo. Nos demais dias, você pode fazer conhecer as atrações das cidades vizinhas. Mas isso é assunto para outro post.

 

Reserve sua hospedagem em Natal pelo Booking clicando aqui e ajude o blog a ganhar uma pequena comissão sem pagar nada a mais! (saiba como funciona essa parceria aqui)

Ao reservar o seu carro pelo portal Rentcars por esse link, você compara preços de várias locadoras, consegue descontos e colabora com o Viciada em Viajar.

Leia também:

Veja o índice de posts sobre Natal

Compartilhar este artigo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *