Como é o museu do circo em São Paulo e como visitá-lo

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 23/12/2020

Quer fazer um passeio que te leva de volta à infância e que é super gostoso em São Paulo? Visite o Centro de Memória do Circo, no centro da cidade. Muita gente não conhece esse museu do circo, que não é grande, e fica meio “escondido” em duas salas no prédio onde funciona a secretaria de Cultura. Mas vale a pena, pois ele te leva para outro universo, o universo mágico dos malabaristas, equilibristas e, claro, dos palhaços!

museu do circo historia cultura circense sp

Centro de Memória do Circo. Foto: Marcelle Ribeiro.

O que ver no museu do circo

Na sua visita ao museu do circo, você vai poder ler em painéis a história dos principais circos e artistas circenses do Brasil, como os palhaços Carequinha, do Rio (famoso pelo bordão “Tá certo ou não tá?) e Bahiano (que, diz a lenda, foi um palhaço-músico e teria sido o primeiro brasileiro a gravar uma música).

Aprende também sobre o faquir Silki, que bateu recorde de dias sem comer. Além disso, você saberá mais sobre os bastidores do Circo Garcia e do Circo Nerino, que marcaram época. Enfim, é um panorama completo da cultura circense do nosso país.

museu do circo historia cultura circense

Centro de Memória do Circo. Foto: Marcelle Ribeiro.

museu do circo acervo circense

Centro de Memória do Circo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Acervo sobre o circo

Espalhados pelo espaço e também por trás de uma cortina, tem também outros elementos da cultura do circo, como roupas, sapatos e acessórios usados por palhaços, bailarinas e outros personagens do circo brasileiro. Aliás, achei muito interessante que todas essas peças do acervo sobre o circo são doações das famílias dos artistas.

Um vídeo mostra números artísticos e um outro painel fala da cronologia do circo, desde o surgimento dele no mundo (com os números de equilíbrio de militares em cima de cavalos que giravam em círculos) até a chegada dele no Brasil e de suas mudanças.

Aliás, você sabia que o circo foi super importante para artistas modernistas brasileiros? Pois é, eu não sabia também. Mas essas e outras curiosidades da cultura circense eu descobri numa visita ao local.

No meio dessa sala no mezanino, uma enorme maquete atrai o olhar: lá está o processo de montagem do circo, desde a instalação da lona até as apresentações nas ruas feitas para chamar ao público para os espetáculos. Tem também miniaturas de bonecos se pendurando em hastes e fazendo equilibrismo.

museu do circo palhaco

Roupa de palhaço no museu. Foto: Marcelle Ribeiro.

Atividades no museu do circo

No cantinho da sala, uma corda colocada no piso, com uma foto aérea enorme da rua colada no chão faz o visitante querer brincar de se equilibrar, como se estivesse tentando percorrer o trajeto entre prédios com os pés em cima da corda. Essa é uma das atividades mais divertidas para você tirar fotos.

Leia também: O que fazer em SP: 30 atrações e roteiros de 1, 2, 3 e 4 dias!

museu do circo atividade sp

Eu tentando me equilibrar na corda. Foto: Maridão.

Além disso, neste meio ambiente, há ainda alguns banquinhos usados para acomodar os grupos de estudantes que visitam o local. Os alunos ganham pipoca e assistem a vídeos quando vão ao museu do circo.

Maquete

Por fim, para conhecer a outra sala do Centro de Memória do Circo, desça as escadas do mezanino e continue na galeria do prédio. Pertinho da outra saída da galeria, você verá uma sala pequena, com uma grande maquete de um circo montada no centro. O mestre Maranhão é responsável pela obra. Inclusive, ele se dedicou a ela por anos. Ex-dono de circo, ex-artista e ex-professor de artes circenses, ele fez a maquete com o cuidado de colocar os assentos e de retratar vários equipamentos utilizados para o espetáculo.

Quando foi criado o Centro de Memória do Circo?

O Centro de Memória do Circo (CMC) foi criado em 2009. Ainda assim, não é tão conhecido como deveria, já que é um passeio bem legal na capital paulistana. Aliás, o museu do circo é a primeira instituição da América do Sul voltada exclusivamente à memória e cultura circense. Bacana, né?

museu do circo maquete

Centro de Memória do Circo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Qual é a missão do Centro de Memória do Circo?

O museu do circo tem como missão preservar, registrar, pesquisar e difundir a cultura (material e imaterial) circense.

Onde fica o museu do circo e como chegar

A sala maior do centro cultural fica no mezanino da Galeria Olido, na Avenida São João, 473, Galeria Olido, no Largo do Paissandú, no Centro de São Paulo. Você vai ver uma portaria e basta dizer que vai ao Centro de Memória que eles vão te apontar as escadas.

É fácil chegar ao museu do circo de metrô. Basta saltar na estação República, da Linha 3 – Vermelha ou na estação Anhangabaú, da mesma linha. Em seguida, basta uma rápida caminhada, de menos de 10 minutos.

Horário de funcionamento

Segunda a sexta-feira, das 10h às 20h e sábados, domingos e feriados, das 13h às 20h. Não abre às terças.

Preço

A entrada para o Centro de Memória do Circo é gratuita.

Conclusão sobre o museu do circo

Em conclusão, o museu é um programa diferente para que está em São Paulo. Você pode combinar esse passeio com várias outras atrações em um mesmo dia de viagem para a capital paulista, já que você não levará muito tempo para conhecer essa atração.

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *