O que fazer em Recife (PE): as 20 melhores dicas de atrações

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 01/04/2021

Recife é uma cidade que merece pelo menos 2 dias de passeios, como eu já disse no post sobre roteiro para capital pernambucana. E isso só na cidade mesmo, sem considerar passeios bate-volta para cidades vizinhas. Sem dúvidas, há muito o que fazer em Recife.

Eu estive lá em um mês de setembro, viajando sozinha, e passei um final de semana incrível. Agora, vou explicar melhor as atrações que você deve visitar ao decidir o que fazer em Recife, com dicas de preços, horários, etc. Se você quer saber quais atrações dá pra ver no mesmo dia, sugiro ler o post sobre meu roteiro em Recife. Vumbora?

Confira o que você vai encontrar neste post:

Atrações na capital
Bate-voltas a cidades vizinhas
Atrações de Recife para dias com chuva
Programação cultural: o que ver hoje
O que fazer com pouco dinheiro em Recife
Programação em Recife durante o carnaval
Mapa
Como se locomover
Como ir
Quando ir

O que fazer em Recife – Na própria capital

Sem dúvida, a capital pernambucana tem atrações culturais para todos os gostos. A Oficina de Cerâmica Francisco Brennand e o Instituto Ricardo Brennand estão entre os pontos turísticos. Então, antes de começar a lista sobre o que fazer em Recife, uma curiosidade rápida: Francisco e Ricardo Brennand são primos, mas brigaram. Francisco é artista, escultor. Ricardo é colecionador.

Oficina de Cerâmica Francisco Brennand

A Oficina de Cerâmica Francisco Brennand é daqueles pontos turísticos de Recife para quem quer ir além do óbvio e curte escultura. Ela tem diversas estátuas e peças de cerâmica representando pessoas, deuses e seres estranhos. Algumas têm uma conotação sexual (órgãos sexuais, seios, etc). Não há nenhum guia para explicar o que se vê, mas tem alguns painéis. As áreas mais bonitas são as praças de esculturas.

O lugar é grande e você vai levar entre 1h e 1h30 para conhecê-lo. Aliás, fique sabendo: a oficina é um lugar onde faz calor, pois boa parte do local é aberto.

o que fazer em recife oficina

Oficina de cerâmica Francisco Brennand. Foto: Marcelle Ribeiro.

o que fazer em recife oficina ceramica

Oficina de cerâmica Francisco Brennand. Foto: Marcelle Ribeiro.

Enfim, achei a oficina interessante, mas não muuuuito. O ingresso custa R$ 20 e ela fica aberta de terça a domingos, das 10h às 18h. Para saber sobre funcionamento em feriados, é preciso ligar para 81 3271-2466 e 3272-5494. A oficina tem um restaurante/café, que serve almoços apenas em dias de semana (nos demais, só água, café, bolos e salgados).

Como chegar

Esse museu fica numa região mais afastada de Boa Viagem, assim como o Instituto Ricardo Brennand. Então o ideal é que você visite os dois no mesmo dia. Como o instituto só abre à tarde, visite a oficina de manhã. Mas saiba que não dá para ir andando do instituto para a oficina e mesmo transporte público entre os dois é difícil.

Aliás, ir de ônibus para a oficina ou para o instituto dá uma trabalhão e demora, pelo que eu li. Tem que fazer várias baldeações, esperar e andar pacas (porque a sede da oficina, por exemplo, é longe do ponto de ônibus).

Algumas poucas agências de viagem oferecem passeios que incluem a oficina e o instituto (a maioria leva apenas para o instituto), mas eles não ocorrem com frequência. Por isso, o ideal é alugar um carro ou rachar um táxi ou Uber. Eu gastei cerca de R$ 90 para fazer o trajeto Boa Viagem x Oficina (Uber) + Oficina x Instituto (táxi) + Instituto x Boa Viagem (táxi).

Instituto Ricardo Brennand

Um dois melhores passeios em Recife é o Instituto Ricardo Brennand, que é super interessante e divertido (para crianças e adultos). Ele funciona num castelinho de tijolos aparentes, com jardins em volta e estátuas. Uma coisa linda!

o que fazer em recife Instituto Ricardo Brenannd

Instituto Ricardo Brennand. Foto: Marcelle Ribeiro.

o que fazer em recife Instituto Ricardo Brenannd

Instituto Ricardo Brenannd. Foto: Marcelle Ribeiro.

Já na primeira ala, fiquei impressionada com objetos de decoração super trabalhados e dourados e também com estátuas lindonas.

o que fazer em recife Instituto Ricardo Brenannd

Instituto Ricardo Brenannd. Foto: Marcelle Ribeiro.

o que fazer em recife instituto Ricardo Brenannd

Instituto Ricardo Brenannd. Foto: Marcelle Ribeiro.

Porém, a parte mais legal é a que reúne a coleção de armas, armaduras, canivetes e relógios. De babar!

o que fazer em recife instituto Ricardo Brenannd

Instituto Ricardo Brenannd. Foto: Marcelle Ribeiro.

o que fazer em recife armaduras

Instituto Ricardo Brenannd. Foto: Marcelle Ribeiro.

Eu passei umas 2h no Instituto. Por lá tem um restaurante, mas é um pouco caro para uma pessoa sozinha.

O Instituto Ricardo Brennand funciona de sexta a domingo, das 13h às 17h. A entrada custa R$ 30, mas pessoas com deficiência, estudantes, professores e idosos acima de 60 anos pagam meia. Crianças até 7 anos de idade não pagam. Além disso, fique sabendo que se você preferir ir de tour, existem opções no site Viator.

Passeio de catamarã

Eu fiz o tour no rio Capiberibe de catamarã das 17h30, achando que ia ver o pôr do sol, mas não foi tão bacana. O dia estava nubladão. Então, além de não ter tido pôr do sol bonito, quando a gente entra no catamarã já está escurecendo.

E como estava escuro, não achei tão legal, porque você não consegue identificar os prédios sobre os quais o guia fala. Melhor é pegar um dos passeios de dia.

O catamarã é confortável, com banheiro e salgadinhos e bebidas à venda. Mas é todo aberto e venta muuuito. Leve um casaco corta-vento. O passeio dura mais ou menos 1 hora.

o que fazer em recife catamara

Passeio de catamarã pelo Recife Antigo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Recife e Suas Pontes

Aliás, a empresa que opera o catamarã oferece vários roteiros, mas eu fiz o Tour Recife e Suas Pontes, que passa pelas três ilhas do Centro de Recife (Santo Antonio, Recife Antigo e Boa Vista) passando por baixo de cinco pontes (Ponte 12 de Setembro, Ponte Maurício de Nassau, Ponte Manuel Buarque de Macedo, Ponte Princesa Isabel e Ponte Duarte Coelho).

Durante o tour, é possível ver o Parque de Esculturas de Francisco Brennand, a Praça do Marco Zero, o Paço Alfândega, o Ginásio Pernambucano, a Assembleia Legislativa, o Teatro de Santa Isabel e o casario da Rua da Aurora. Nesse meio tempo, o catamarã não faz nenhuma parada.

O passeio custa R$ 65 (em 2020). Quando eu fui, comprei direto na bilheteria (cheguei uns 20 minutos mais cedo). Porém, você pode comprar antecipadamente pelo site também. Esse tour é oferecido às 9h30, 11h, 14h30, 16h, 17h30 e 20h, sendo que o horário das 14h30 e das 17h30 só estão disponíveis aos sábados, domingos e feriados. Além disso, aos domingos não há o tour das 20h.

Passeio noturno

Quem quer fazer o passeio à noite pode aproveitar também o tour da Viator, por Recife e Olinda. Nesse passeio mais completo de 4 horas, o barco navega pelo Rio Capibaribe, passando pelas ilhas de San Antonio, Boa Vista e Recife. Os turista terminam a noite em Olinda. Pelo que vi no site, o passeio inclui o transporte de ida e volta do hotel, além do bilhete de catamarã. Parece uma ótima opção para quem quer sair do óbvio ao escolher o que fazer em Recife.

Praia de Boa Viagem

Um passeio pela Praia de Boa Viagem, a mais famosa da capital pernambucana, deve ser incluído na sua lista quando você decidir o que fazer em Recife. Sem dúvidas, o local merece uma caminhada e uma água de coco.

Passeio pelo centro histórico

A seguir , vou fazer um resuminho das melhores atrações do centro, onde estão os principais pontos turísticos em Recife. Porém se você quiser mais detalhes sobre preços e horários, sugiro a leitura do post sobre o Centro Histórico de Recife.

Marco Zero

Se tem uma parada obrigatória quando o assunto é o que fazer em Recife, é o Marco Zero. Em resumo, é uma grande praça, com um chão bonitão e o letreiro de Recife. Além disso, vários prédios históricos bonitos em volta.

o que fazer em recife letreiro

Praça do Marco Zero, no Recife Antigo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Igreja de Madre De Deus

A igreja do século XVII é bem bonita. A visita é rápida, mas não deve ser deixada de fora ao escolher o que fazer em Recife.

o que fazer em recife igreja madre deus

Igreja Madre de Deus, no Recife Antigo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Parque de Esculturas de Francisco Brennand

Do Marco Zero, você faz uma travessia rápida de barco para o parque que tem 10 esculturas do artista. Bem bacana!

o que fazer em recife parque esculturas

Parque das Esculturas Francisco Brennand. Foto: Marcelle Ribeiro.

Embaixada dos Bonecos Gigantes

Ao analisar o que fazer em Recife, você vai descobrir que há muitas atrações que fogem do comum. Com certeza, uma delas é a oportunidade de conhecer os bonecos gigantes usados no carnaval da capital pernambucana e Olinda.

o que fazer em recife bonecos

Embaixada dos Bonecos Gigantes. Foto: Marcelle Ribeiro.

Museu Cais do Sertão

O museu é o mais legal do centro histórico, então precisa ser priorizado quando você decidir o que fazer em Recife. Saiba mais sobre a história de Luiz Gonzaga, aprenda com os relatos de retirantes e até cante músicas de Gonzagão no karaokê. É um passeio completo!

o que fazer em recife museu gonzagao

Museu Cais do Sertão. Foto: Marcelle Ribeiro.

Paço do Frevo

Confesso que não gostei tanto dessa atração turística. Mesmo assim, não quis deixá-la de fora, porque fiz uma oficina de frevo bem divertida lá.

o que fazer em recife estandarte

Estandarte no Paço do Frevo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Torre Malakoff

Essa é mais opção gratuita que é uma ótima dica sobre o que fazer em Recife. Você pode usar telescópios e ver a cidade do alto. Então, vale a pena!

o que fazer em recife torre panoramica

Centro histórico visto da Torre Malakoff. Foto: Marcelle Ribeiro.

O que fazer em Recife – Bate-voltas a cidades vizinhas

Além de conhecer as atrações da capital, existem vários passeios a partir de Recife que são bacanas, em cidades próximas. Mesmo assim, ao invés de fazer mil bate-voltas desde a capital, é melhor se hospedar alguns dias em Porto de Galinhas, que é uma cidade base para estas cidades vizinhas no litoral. Desta forma, você perde menos tempo em deslocamento.

Leia mais: Veja todas as minhas dicas de Porto de Galinhas

Olinda

Antes de mais nada, acho que a visita a Olinda vale muito a pena na sua viagem, com suas ladeiras cheias de histórias, de ateliês, de lojinhas lindinhas com artesanato. Por outro lado, quando estive na cidade em 2016, fiquei triste com o abandono de alguns prédios históricos.

Confira: Saiba o que fazer em Olinda

o que fazer em recife olinda

Basília de São Bento, em Olinda. Foto: Marcelle Ribeiro.

Porto de Galinhas

As famosas piscinas naturais, passeio de buggy, praias lindas com mar calmo e quentinho, muitos coqueiros. Sem dúvidas, Porto de Galinhas vale sua viagem. Não pense duas vezes em incluir a estadia por lá ou pelo menos um bate-volta partindo de Recife. Se decidir pelo passeio de um dia, você pode ver as opções no site da Viator. O translado de ida e volta sai por cerca de R$ 170.

Para saber todas as informações para um roteiro incrível, confira o post sobre o que fazer em Porto de Galinhas.

o que fazer em recife porto galinhas

Praia da Vila de Porto de Galinhas. Foto: Marcelle Ribeiro

Praia dos Carneiros

Um dos lugares mais bonitos do litoral pernambucano fica a 105 km de Recife. Banco de areia, piscinas naturais cheias de peixinhos e igrejinha bucólica estão na minha sugestão de roteiro pela Praia dos Carneiros. É imperdível! Há roteiro de bate-volta saindo de Recife e Olinda à venda na Viator.

o que fazer em recife praia carneiros

Praia de Carneiros vista do Banco de Areia. Foto: Marcelle Ribeiro.

Cabo de Santo Agostinho

Outro bate-volta delicioso para quem está Pernambuco. Há muitas atrações em Cabo de Santo Agostinho, como tirolesa, passeio de catamarã e visita a mirantes. Lá fica a praia de Calhetas, que tem formato de coração quando vista do alto. Ao pesquisar para criar essa lista sobre o que fazer em Recife, vi que a Viator também oferece tour para o local.

o que fazer em recife santo agostinho

Vista de mirante de Cabo de Santo Agostinho. Foto: Marcelle Ribeiro.

Ilha de Santo Aleixo

Mais um lugar para você se deliciar com um mar tranquilo, transparente e com uma cor lindona. Por lá, há passeio com guia explicando sobre história e curiosidades do lugar, muito banho de mar e até uma pequena trilha para conhecer outra praia.

Veja mais: Dicas do passeio para a Ilha de Santo Aleixo

o que fazer em recife ilha santo aleixo

Ilha de Santo Aleixo. Foto: Marcelle Ribeiro.

Ilha de Itamaracá

A pouco mais de 50 Km de Recife, a ilha é um dos destinos mais visitados na região metropolitana da capital pernambucana. Ela tem praias lindas, centro de proteção de peixes-boi, igreja de São Cosme e Damião e é um paraíso. Você pode fazer o bate-volta partindo de Recife.

Caruaru

No bate-volta para Caruaru você conhece a maior feira livre do Nordeste (com mais de 20 mil metros quadrados), e o lugar onde acontece uma das maiores festas de São João do país. Além disso, visita o bairro Alto do Moura. Muitos passeios de agências, assim como o tour da Viator, associam Caruaru à visita ao maior teatro ao ar livre do mundo, Nova Jerusalém.

O que fazer em Recife com chuva

Tem sim o que fazer em Recife em dia de chuva, viu? Priorize as atividades cobertas (mesmo que em parte), como:

  • Instituto Ricardo Brennand
  • Oficina de Cerâmica Francisco Brennand (tem parte coberta)
  • Igreja de Madre De Deus
  • Museu Cais do Sertão
  • Paço do Frevo

Assista ao vídeo para ver dicas de Recife!

 

O que ver em Recife hoje

Para acompanhar a programação do que está rolando em Recife, como exposições e shows, recomendo que você acesse o site dos jornais locais, Diário de Pernambuco e Folha de Pernambuco.

O que fazer com pouco dinheiro em Recife

Não se preocupe com seu orçamento. Há diversas atrações baratas e de graça na capital pernambucana. Passeio pela Praia de Boa Viagem, conhecer o Marco Zero, tirar fotos no letreiro de lá, Igreja de Madre de Deus e Torre Malakoff são alguns exemplos de pontos turísticos gratuitos que você pode priorizar ao decidir o que fazer em Recife.

O que fazer em Recife no carnaval

Se você foi para Pernambuco nos dias de folia, poderá aproveitar muitos blocos de rua em Recife e em Olinda. O Galo da Madrugada desfila nas ruas de Recife desde 1978 e é o maior bloco de rua do mundo. Em 2018, no aniversário de 40 anos, levou mais de 2,3 milhões de pessoas para a festa popular.

Além disso, o carnaval da região é super marcado pelo lindo frevo, a dança folclórica mais famosa do carnaval pernambucano. Por fim, outra atração famosa é o desfile dos bonecos gigantes, que representam personalidades, do papa a jogadores de futebol, de políticos a apresentadores de TV.

Mapa dos pontos turísticos de Recife

Como se locomover

Andar de ônibus em Recife é fácil. Eu peguei ônibus para as distâncias mais curtas, como para ir de Boa Viagem a Recife Antigo, ou para ir e voltar de Pina até Olinda. Me informei nas recepções dos meus hotéis e também usei o Google Maps e deu certinho.

Os ônibus que eu peguei estavam em bom estado de conservação e não estavam lotados (mas quando estive lá era final de semana). Eles também não demoraram demais para passar no ponto. Eu estava viajando sozinha e me senti segura usando ônibus de linha.

Quando saí à noite ou quando fui a locais mais distantes, em que eu teria que fazer muitas baldeações, preferi usar o Uber ou táxi.

Para sair do aeroporto de Recife (que na verdade fica em Jaboatão dos Guararapes, cidade vizinha), usei o transfer da agência de viagens Luck Receptivo*, que cobra R$ 50 para fazer o trajeto entre o aeroporto e hotéis na região de Boa Viagem. Do aeroporto até o miolo de Boa Viagem são cerca de 5,3 Km. A Luck tem veículos confortáveis, com ar-condicionado e bom serviço. Vale a pena se você está viajando sozinho.

Como ir

O Aeroporto Internacional de Recife é super bem localizado, ficando a menos de 10 minutos de carro da Praia Boa Viagem.

Como economizar na passagem aérea

Para conseguir bons valores para o voo para Recife, não tem segredo: você tem que pesquisar os melhores preços, horários e opções. Nós costumamos comprar passagens com desconto na MaxMilhas, Viajanet e Passagens Promo. Todos esses sites são parceiros aqui do blog e indicados por nós.

Quando ir

Os meses mais secos são, na ordem, novembro, dezembro e outubro. Então, são ótimos para você planejar sua viagem sem tanto risco de chuva.

Por outro lado, julho, junho, abril e maio são os meses mais chuvosos em Recife, de acordo com os dados da Climatempo.

O que fazer em Recife – Conclusão

Concluindo, há muitas atrações imperdíveis na capital pernambucana. Ao decidir o que fazer em Recife, lembre-se que há muito mais do que praias, já que as atrações culturais são bem diversas. Além disso, claro, a cidade é origem de passeios tipo “bate-volta” para outros destinos maravilhosos.

*O Viciada em Viajar ganhou os transfers in e out do aeroporto como cortesia da Luck Receptivo. O texto reflete a nossa real opinião.

Leia também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *