Onde se hospedar em Madri: melhores regiões para ficar e hotéis

postado por Marcelle Ribeiro e publicado em 04/08/2019
Compartilhar este artigo:

Para te ajudar a decidir onde se hospedar em Madri, vamos falar um pouco dos principais bairros e regiões da cidade e de seus hotéis. Vou dar também dicas do hotel em que me hospedei e de onde amigos se hospedaram. E já deixo logo o mapa dos bairros de Madri disponibilizado pelo site oficial do órgão de Turismo de Madri. Não é tão difícil escolher onde ficar em Madri, mas este post é para deixar tudo ainda mais fácil, ok? Fica comigo.

Onde se hospedar em Madri – Bairros principais:

Austrias
Sol
Paseo Del Arte
De Las Letras
Retiro
La Latina
Malasaña
Chueca
Salesas
Lavapiés
Atocha
Princesa
Conde Duque
Castellana
Salamanca
Aeroporto

Procurando hotel? O Booking tem opções para todos os bolsos. Reserve por esse link, que tem o meu código, e ajude o blog.

Austrias

É o bairro do Palácio Real, da Catedral de la Almudena, da Plaza Mayor, que são atrações turísticas de Madri que você tem que conhecer! (confira o nosso post sobre o que fazer em Madri, onde explico sobre eles). Também aqui ficam os belos Jardim Del Campo del Moro e os Jardins de Sabatini.

O Mercado de San Miguel, onde você pode ir para degustar as delícias espanholas, está pertinho. A estação de metrô Opera é a que serve melhor este bairro. Nesta região, o Oriente Palace Apartments pode ser uma boa oportunidade de onde se hospedar em Madri. O hotel tem nota 9,4 no Booking e quartos com decoração elegante e leve.

Sol

Este bairro fica bem no coração do centro da cidade e é boa opção de onde se hospedar em Madri para quem quer estar perto de tudo e de quebra, cercado de comércio. Nele fica a Puerta del Sol, com a famosa estátua do urso madrileño e a estátua equestre de Carlos III. É na Puerta do Sol que os moradores da cidade se reúnem para comemorar o Ano Novo.

Pensando em alugar um carro? Compare em mais de 100 locadoras com a Rentcars! Pague em reais, sem IOF e parcelado em até 12X!

Numa das bordas do bairro fica a Gran Vía, avenida larga cheia de lojas enormes, especialmente de multinacionais de moda e lojas de departamento, como Mango, El Corte Inglés, Forever 21, Primark… Algumas têm vários e vários andares. Também no bairro de Sol está o Monasterio Descalzas Reales e a Real Academia de Belas Artes.

As estações de metrô deste bairro: Santo Domingo, Callao, Gran Vía, Sol, Sevilla e Banco de España, Tirso de Molina.

Neste bairro, uma das dicas é o Hotel Liabeny onde o Fábio, amigo blogueiro do Viagens Cinematográficas, se hospedou. O hotel tem nota 8,8 no Booking e fica a apenas 200mm da Praça Puerto del Sol. Tem academia com sauna, tv de tela plana, wifi, restaurante próprio e banheiros novinhos.

Seguro saúde viagem internacional: escolha entre as melhores operadoras e pague com 5% de desconto com o cupom VICIADASEMVIAJAR5! Atendimento 24h em português!

Já o meu amigo Flávio recomenda o Hotel Regente, a uma quadra da Gran Vía e do metrô Callao. É um BBB (bom, bonito e barato). Com nota 8,3 no Booking, ele tem decoração bem clean e moderna. Alguns quartos têm vista e sala e banheiros com banheira. O hotel tem ar-condicionado, wifi e academia.

onde se hospedar em madri hotel regente

Onde se hospedar em Madri: Hotel Regente. Foto: Booking.com.

onde se hospedar em madri hotel liabeny

Hotel Liabeny. Foto: Booking.com

Paseo del Arte

Se os museus da capital com certeza estão na sua lista de o que fazer na cidade, então o Paseo del Arte é um forte candidato de onde se hospedar em Madri para você. Nele ficam o Museu do Prado e o Museu Thyssen. E mais: o Real Jardim Botânico, a Fonte das Cibeles e o Palácio das Cibeles, outras atrações famosas. A construção histórica Puerta de Alcalá fica na divisa do Paseo del Arte com outros bairros.

As estações de metrô que servem ao Paseo del Arte estão nos extremos dele: Banco de Espanha, Retiro, Atocha e Atocha Renfe. O hotel Paseo del Arte pode ser uma opção interessante de onde se hospedar em Madri e está localizado neste bairro. Ele tem nota 9,2 no Booking e não é dos mais caros da região.

Passeio guiado de 1 dia e ingressos sem fila? Contrate aqui!

De Las Letras

O bairro de Las Letras é interessante pois apesar de nele não ter grandes atrações turísticas, ele fica entre três bairros com pontos turísticos: Sol (e seus prédios e praças históricos) e Paseo del Arte, onde ficam o Museu do Prado, o Museu Thyssen e o real Jardim Botânico; e Lavapiés, onde está o Museu Reina Sofia. Estações de metrô próximas: Antón Martin, Atocha e Sevilla.

Este bairro tem esse nome porque é querido por escritores e artistas. O escritor Miguel de Cervantes morou nele. Um bom custo benefício em Las Letras é o Hostal Atelier, com nota 8,9 no Booking.

Retiro

Se na hora de decidir onde se hospedar em Madri você prefere uma região super arborizada, o Retiro é pra você. É o bairro onde fica o delicioso e imenso Parque del Retiro, uma das maiores áreas verdes da cidade, que tem lago, jardins e monumentos. Mas tem poucos hotéis.

La Latina

Colado em bairros com muitas atrações turísticas, como Austrias e Sol, é no bairro La Latina que acontece a feira del Rastro, considerada um dos maiores mercados ao ar livre da Europa e que vende bolsas, roupas, antiguidades e outros itens. Além disso, é um bairro boêmio, com muitos bares.

Localizado no bairro La Latina, a Posada del León de Oro Boutique Hotel é indicação do meu primo Carlos, que gostou bastante. De lá dá para ir andando a pé para a Plaza Mayor. Ele fica a 10 minutos a pé do Palácio Real e da Praça Puerta del Sol. Com nota 9,1 no Booking, o hotel tem ar-condicionado, piso aquecido, frigobar e tv de tela plana.

Acaba dia 28/08/19 a promoção de 20% de desconto do chip internacional para celular. Saia do Brasil já internet. Clique aqui e use o cupom CORREDANADO.

Outra dica, mas da minha amiga Sandra, é o Viviendas Turísticas Palacio Real, que tem nota 8,1 no Booking. Os apartamentos têm ar-condicionado, wifi e têm uma decoração nova.  Têm ainda cozinha com fogão, microondas, sala e alguns têm até varanda.

As estações de metrô deste bairro são La Latina e Puerta de Toledo.

posada del leon de oro onde se hospedar em madri

Posada del León de Oro. Foto: Booking.com.

viviendas turisticas palacio real onde se hospedar em madri

Viviendas Turísticas Palacio Real. Foto: Booking.com.

Malasaña

Bairro que tem nas suas extremidades a Gran Vía e suas lojas, Malasaña é interessante para quem busca onde se hospedar em MAdri e quer estar numa região boêmia mas ao mesmo tempo moderna. Há muitos bares em Malasaña, com estilo alternativo.

As estações de metrô deste bairro ficam nas bordas dele. São elas: Tribunal, Bilbao, Gran Vía, Callao e Noviciado.

Nossas primeiras noites em Madri foram neste bairro, no Hostal Silserranos, do qual gostamos bastante. O quarto era bem grande, com janelões que davam para a rua, bem agradáveis. O banheiro também tinha um bom tamanho, tudo funcionava perfeitamente e era muito limpo. Os móveis não são super modernos, mas estão bem conservados. O ar-condicionado gelava direitinho.

A localização era ótima: a pouquíssimos metros das estações do metrô Bilbao e Tribunal, com lojas, restaurantes e supermercados bem pertinho. Fica a 10 miniutos andando das lojas da Gran Vía e a 1km da Praça Puerta del Sol.

A rua era movimentada mesmo à noite, mas nada barulhenta para dormir. Ele tem nota 8,7 no Booking.

hostal silserranos onde se hospedar em madri

Hostal Silserranos. Foto: Marcelle Ribeiro.

Chueca

Localizado no centro da cidade e tendo a Gran Vía em uma de suas bordas, Chueca é para quem quer vida noturna quando busca onde se hospedar em Madri. É um bairro muito frequentado por homossexuais e onde a diversidade é celebrada. É lá que acontecem festas de orgulho LGBT de Madri.

Foi em Chueca que me hospedei quando passei uma última noite em Madri já sem o maridão, antes de voltar ao Rio. Fiquei no Room007 Chueca Hostel e gostei bastante. Dividi o quarto com mais 3 meninas. Meu beliche no hostel era bem confortável, com luz própria. Nosso banheiro ficava dentro do quarto, com uma porta para o chuveiro e outra para o vaso sanitário, de modo a otimizar o uso deles. O hostel é super limpo.

Tem ar-condicionado e é bem localizado, numa rua perto do metrô Chueca. Me senti bem segura ali, mesmo andando sozinha à noite.

Estações de metrô que servem esse bairro: Chueca, Gran Vía e Banco de España.

Room007 Chueca Hostel Madrid

Room007 Chueca Hostel Madrid. Foto: Bookin.com.

Salesas

Pequeno bairro que faz divisa com Chueca e Paseo del Arte, e próximo da Fuente de Cibeles. Servido pelas estações de metrô Banco de España e Colón.

Lavapiés

Neste bairro fica o Museu Reina Sofía. É um bairro multicultural, habitado pelas classes populares da cidade. As estações de metrô mais próximas são Atocha, Teatro Vale Inclán, Tirso de Molina e Filmoteca Nacional. É uma área com mais albergues.

Atocha

A maior “atração” de Atocha é a estação de trem de Atocha, por onde chegam trens de várias cidades espanholas. É também uma grande estação de metrô. Fica na divisa com o bairro de Lavapiés. Perto dali está o Parque del Retiro e o Museu Reina Sofia. O Hotel Mediodia fica em frente ao museu e tem nota 8,5 no Booking,

Princesa

É um bairro bem grande. Se for se hospedar aqui, tente ficar perto do Templo de Debod (estação de metrô Plaza de España), ponto turístico da cidade que fica bem em em uma das pontas do bairro. Uma possibilidade é o Mercure Madri Plaza de Espanha, que tem nota 8,9 no Booking.

Conde Duque

Assim como o bairro Princesa, fica perto do Templo Debod. Estação de metrô que serve esse bairro: Plaza de España e Noviciado.

Castellana

É o bairro financeiro de Madri, com prédios modernos, altos e envidraçados. Atrai mais os turistas que vão a negócios. A principal atração aqui é o estádio de futebol Santiago Bernabéu. Tem também prédios com arquitetura diferente, como a Puerta de Europa (Torres Klio), que são duas torres inclinadas.

Mas é meio distante do centro histórico da cidade, você terá que usar o metrô. As estações deste bairro são: Santiago Bernabéu, Nuevos Ministerios e Plaza de Castilla.

Uma dica de onde ficar neste bairro vem da minha amiga Jaqueline: o Melia Castilla, que tem nota 9 no Booking. O hotel tem uma grande piscina, lobby para relaxar, academia, restaurante e quartos e banheiros modernos (alguns com banheira). Fica pertinho do metrô Cuzco. para quem tem filhos, ele oferece um espaço kids, que oferece até babá em algumas datas.

melia castilla onde se hospedar em madri

Melia Castilla. Foto: Booking.com

Salamanca

É um bairro classudo de Madri, com ruas de compras de luxo, ao lado do Parque del Retiro. Tem muitas opções de hotéis por lá. O hotel NH Collection Madri Colon é uma opção de onde se hospedar em Madri se sua decisão for pelo bairro de Salamanca. Ele não é tão caro quanto outros do bairro e tem nota 8,9 no Booking.

Aeroporto

Não, o aeroporto não é considerado um bairro de Madri. Mas você pode querer se hospedar perto do terminal não é verdade? Meu maridão, por exemplo, teve que se hospedar, porque o voo dele de Ibiza para o Rio fazia uma longa escala noturna no aeroporto de Barajas. Ele ficou no BeB Hotel Madrid Aeropuerto T1 T2 T3, que tem nota 8,1 no Booking e fica a 8 km do terminal. Ele tem ar-condicionado, tv de plan, wifi e design em cores claras.

hotel madrid aeropuerto

Hotel Madrid Aeropuerto. Foto: Booking.com.

Leia também:

Compartilhar este artigo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *