Confira 21 pontos turísticos de Foz do Iguaçu pra sua viagem

postado por Marcelle Ribeiro e atualizado em: 11/11/2021

Imagine um lugar onde a força e a confusão das águas trazem uma paz impressionante. Assim são as Cataratas de Iguaçu, em Foz do Iguaçu. Só para vê-las já vale a viagem a Foz do Iguaçu (PR), cidade cheia de locais de natureza deslumbrantes. Mas além das cataratas, há vários outros pontos turísticos de Foz do Iguaçu que garantem muita diversão. Confira o índice e saiba tudo sobre o que fazer em Foz do Iguaçu:

Mapa
Quais as principais atrações turísticas de Foz do Iguaçu
O que fazer em Foz do Iguaçu à noite
Pontos turísticos gratuitos em Foz do Iguaçu
O que fazer em Foz do Iguaçu com chuva

Prefere passeios em grupo ou com guia em Foz?

Pra quem prefere praticidade de contratar um passeio com guia e transporte para os pontos turísticos de Foz do Iguaçu, vale a pena conferir as ofertas do site Viator, parceiro aqui do blog. Dá pra ler as opiniões de quem já contratou e comprar de uma vez só em um só lugar todos os atrativos.

Mapa dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu

Confira no mapa os pontos turísticos de Foz do Iguaçu citados neste post.

Quais os pontos turísticos de Foz do Iguaçu?

1 – Cataratas do Iguaçu (lado Brasileiro)

Eu sempre quis ir ver as cataratas, porque adoro cachoeira. E ir ver “a maior de todas as cachoeiras”, que na verdade é uma junção de cerca de 100 quedas d’água (o número varia de acordo com a vazão do Rio Iguaçu), era uma prioridade entre os possíveis passeios em Foz do Iguaçu.

As cataratas são lindas de se ver de longe e mais ainda de perto. Andar pela passarela que leva à Garganta do Diabo é ainda melhor: basta caminhar por cinco minutos e você chega em um ponto em que sente gotinhas de água vindo por todos os lados. A capa de chuva ameniza um pouco, mas você vai se molhar, não tem jeito. E vai sentir uma paz enorme quando sentir essas gotinhas te molhando. Vai esquecer todos os problemas que possam estar pela sua cabeça. Tem coisa melhor? É, com certeza, o mais importante dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu.

Eu explico tudo sobre o Parque Nacional do Iguaçu no post “Cataratas do Iguaçu – o lado brasileiro”.

Ele abre todos os dias, das 8h às 16h, inclusive domingos e feriados. Os ingressos para as Cataratas do Iguaçu (lado brasileiro) são vendidos apenas pela internet. Brasileiros pagam R$ 47 (adulto) ou R$ 11 (maiores de 60 anos de idade e crianças de 2 a 11 anos).

pontos turisticos de foz do iguacu lado brasileiro

Vista das cataratas pelo lado brasileiro

2 – Macuco Safari (passeio de barco)

Esse não é exatamente um ponto turístico de Foz do Iguaçu, mas sim uma espécie “radical” de passeio de bote em Foz do Iguaçu, super divertido, que você pode fazer dentro do Parque Nacional do Iguaçu. No Macuco Safári, você vai de bote motorizado até perto das quedas d’água, para sentir a força delas.

Mas atenção: só recomendo o Macuco Safári para quem não pretende fazer o passeio similar que é oferecido no lado argentino das cataratas, tá? Veja minhas dicas sobre esse passeio.

3 – Passeio de helicóptero

Sonha em conhecer os pontos turísticos de Foz do Iguaçu de uma maneira inesquecível? Você pode fazer um voo de helicóptero e sobrevoar as cataratas.

pontos turisticos de foz do iguacu helicoptero

Passeio de helicóptero nas cataratas. Foto: Divulgação Viator.

4 – Rafting

Os aventureiros podem curtir bastante o rafting e descer pelas corredeiras do Rio Iguaçu, em um bote inflável. Ah, é dentro do Parque Nacional do Iguaçu , mas é um passeio pago à parte, tá?

5 – Cataratas Argentinas

Ao decidir quais pontos turísticos de Foz do Iguaçu você quer conhecer, considere atravessar a fronteira! De fato, eu acho indispensável nessa viagem curtir também o lado argentino das cataratas. Então, veja as dicas para as Cataratas Argentinas e reserve pelo menos um dia para esse passeio.

pontos turisticos de foz do iguacu cataratas

Cataratas Argentinas são indispensáveis na viagem. Foto: Marcelle Ribeiro.

6 – Gran Aventura

Para aproveitar ainda mais as Cataratas Argentinas, você tem que fazer o Gran Aventura, que assim como o Macuco Safári, é uma espécie “radical” de passeio de bote perto das cataratas. Você vai numa lancha com mais umas 10 pessoas até bem perto das cataratas e se molha bastante. Ainda assim, não precisa ter medo, já que o tour é super seguro e indicado para todas as idades. Em 2021, o Gran Aventura custa 4000 pesos argentinos (cerca de R$ 245).

7 – Sendero Macuco e Salto Arrechea

Quer ir além do óbvio ao escolher os pontos turísticos de Foz do Iguaçu e Puerto Iguazú? O passeio Sendero Macuco (ou trilha Macuco) é uma trilha para tomar banho numa cachoeira menos disputada, mas muito bonita, o Salto Arrechea.

Leia mais: Sendero Macuco: Cachoeira fácil de chegar perto de Foz do Iguaçu

pontos turisticos de foz do iguacu cachoeira

Cachoeira vista de cima. Foto: Marcelle Ribeiro.

8 – Usina de Itaipu

Um lugar para a gente se sentir uma formiguinha. Assim é a Usina Hidrelétrica de Itaipu. Nesse ponto turístico em Foz de Iguaçu, é tudo muito grande. Então, é impossível não se enxergar como um grãozinho de areia, no meio daquelas construções gigantes.

pontos turistico de foz do iguacu usina

Usina de Itaipu. Foto: Marcelle Ribeiro

Dizem que a usina é um prato cheio para o turista que adora “grandes obras da humanidade”. Eu sempre fui mais daquelas que preferem natureza a prédios (mesmo em Nova York!). Mas ainda assim adorei a visita a Itaipu. É fascinante estar num lugar onde é gerada 75% da energia consumida no Paraguai e 17% da que usamos no Brasil. É muita água, minha gente.

Além disso, é bacanérrimo ver que paraguaios e brasileiros dividem tudo ali, desde os postos de trabalho às plaquinhas de identificação. A usina é gerida pelos dois países, que têm o mesmo poder de decisão e gerência ali.

O vertedouro não estava vertendo água, porque não era necessário. Foto: Marcelle

Passeio pela Usina

No passeio guiado, o visitante conhece turbinas, barragem e muita história daquele lugar. No passeio Itaipu Panorâmica, os visitantes entram em um ônibus com guia e fazem paradas para ver o mirante, o vertedouro, a barragem e o Rio Paraná, em cerca de 1h30. Não há acesso ao interior da usina e custa R$ 42 em 2021. Porém, não foi esse o passeio que eu fiz.

Quando eu fui, escolhi o passeio especial, mas não há mais informações sobre ele no site. Acredito que possa ter sido suspenso por causa da pandemia.

pontos turistico de foz do iguacu usina

Usina de Itaipu. Foto: Marcelle Ribeiro

Em resumo, era assim: o tour começava com o documentário sobre a usina. Depois, todo mundo entrava em um ônibus e ia ver a parte ao ar livre de Itaipu: mirante, vertedouro, barragem e o Rio Paraná (que é o passeio disponível em janeiro de 2021).

O guia deu tempo para todos tirarem fotos, uns 10 minutos (que é suficiente) em cada local. A todo tempo você recebia informações dos guias, que são super bem treinados (os caras devem ser engenheiros, sabem tudo, respondem tudo!). Depois, nós fomos conhecer o interior da usina. Tudo isso levava cerca de 2h30.

pontos turistico de foz do iguacu usina

Leito do Rio Paraná, na Usina de Itaipu. Foto: Marcelle Ribeiro

Visita a dutos enormes

Depois de ver o leito do Rio Paraná, nós vimos os condutos, que são tubos brancos enormes. Por cada um deles, escoam até 700 mil litros de água por segundo, o que corresponde a metade (metade!!!!) da vazão das Cataratas do Iguaçu!

Vi ainda o eixo de uma turbina em atividade e a sala de comando central, com sua tela gigante e mil botões. No chão da sala há uma faixa amarela, representando simbolicamente a linha que separa o Brasil do Paraguai.

pontos turistico de foz do iguacu usina

A sala de comando e controle da Usina de Itaipu. Foto: Marcelle Ribeiro

pontos turistico de foz do iguacu usina

Um pé no Paraguai e outro no Brasil.

Além disso, fomos a uma galeria de 1 km de extensão (por onde os funcionários andam de bicicleta!), em que vimos as tampas de 20 unidades geradoras de energia. Cada uma gera o suficiente para abastecer uma cidade de 2,5 milhões de habitantes!

Endereço: Av. Tancredo Neves, 6702, Foz do Iguaçu.

pontos turistico de foz do iguacu usina

A tampa da unidade geradora é essa marca vermelha no chão. Foto: Marcelle Ribeiro

9 – Refúgio Biológico

Dentro da Usina de Itaipu, rola um passeio pela área de proteção ambiental. São dois quilômetros de caminhada em uma trilha em meio à floresta nativa, com várias espécies de animais. O tour Itaipu Refúgio Biológico tem 2h15 de duração e custa R$ 30 para adultos.

10 – Ecomuseu

O passeio pelas instalações e equipamentos que contam as história da Usina de Itaipu. O tour pelo Itaipu Ecomuseu acontece de terça a domingo, das 10h às 18h. O valor do ingresso é R$ 18.

11 – Parque das Aves

Em frente ao Parque Nacional do Iguaçu, está um dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu que atrai muita gente, o Parque das Aves.

pontos turistico de foz do iguacu parque das aves

Aves exóticas no Parque das Aves, em Foz do Iguaçu. Foto: Marcelle Ribeiro

Você consegue ver tucanos e araras aos montes, a um palmo de distância, ao seu lado, dentro de enormes estruturas de arame, como se fossem viveiros gigantes.

pontos turisticos de foz do iguacu parque das aves

Visitantes dentro do viveiro das araras, no Parque das Aves. Foto: Marcelle Ribeiro

O Parque das Aves é um zoológico particular especializado em aves. Ele tem mais de 1020 animais de 150 espécies em viveiros, entre elas algumas exóticas, em que os visitantes entram. Há placas que explicam sobre os hábitos e curiosidades dos bichos.

Além de aves, o parque tem bromélias, borboletário, cobras e jacarés, entre outros animais.

Se você pretende conhecer esse ponto turístico de Foz do Iguaçu, pode combiná-lo com o Parque Nacional do Iguaçu (lado brasileiro) e ir aos dois no mesmo dia, porque eles são muito próximos (dá pra ir andando de um para o outro). No entanto, para isso, comece seu dia bem cedo.

Eu tenho evitado ir a locais que cobram ingresso para que os visitantes vejam animais em espaços fechados, mas de qualquer maneira deixo aqui as informações. Os ingressos custam R$ 60 e são vendidos no site.

12 – Templo budista

O Templo Budista Chen Tien é uma graça. Apesar disso, não está entre os pontos turísticos de Foz do Iguaçu mais óbvios, portanto, não fica cheio.

Veja os detalhes sobre o templo budista em Foz do Iguaçu.

pontos turisticos de foz do iguacu templo budista

Templo Budista Chen Tien, em Foz do Iguaçu. Foto: Marcelle Ribeiro.

13 – Mesquita

Sem dúvida, há muito o que fazer em Foz do Iguaçu. A Mesquita de Foz do Iguaçu é um dos locais menos conhecidos, mas um templo bem bonito. A Mesquita Omar Ibn Al-Khattab chama atenção pelo interior de incrível beleza. Além da arquitetura religiosa, o templo tem arte com arabescos e figuras geométricas.

Você pode fazer o passeio que tem paradas no templo budista e na mesquita no mesmo dia, à venda na Viator.

A Mesquita fica na Rua Meca, 599, Jardim Central, em Foz do Iguaçu. A visitação acontece de segunda à sexta, das 9h às 11h30 e das 14h às 16h30, além dos sábados, das 9h às 11h30.

14 – Bar de gelo

Esse é um dos pontos turísticos em Foz do Iguaçu que eu gostaria de ter ido quando estive lá, mas infelizmente não consegui. Quem quer conhecer um bar de gelo em Foz do Iguaçu tem duas opções.

Na cidade, você pode visitar o Dreams Ice Bar. Na Civitatis, o ingresso para adulto sai por R$ 48,10. O local fica no Dreamland, um complexo turístico que reúne diferentes atrações de Foz do Iguaçu. A temperatura lá é de 11 graus abaixo de zero, e os visitantes vestem uma roupa especial para se protegerem desse frio todo. Os clientes também podem tomar refrigerante ou chocolate quente no local, que fica na Avenida das Cataratas, km 14, nº 8.100. O bar fica aberto diariamente, das 8h às 23h30.

Já nos arredores, em Puerto Iguazú, na Argentina, os turistas podem ir ao Ice Bar Iguazú. A visita dura 30 minutos no bar que tem copos, balcões e mesas feitas de gelo. A temperatura é de 10 graus negativos e os visitantes recebem roupas adequadas para curtir o passeio. O local fica na Rute 12 km 5 – Puerto Iguazú. Funciona diariamente das 14h às 23h.

15 – Museu de Cera

O museu de cera também é um dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu que vem se popularizando. As estátuas são bem ecléticas, desde o cantor Michael Jackson até o jogador argentino Lionel Messi, passando pela rainha da Inglaterra.

A atração fica em anexo ao complexo Foz do Iguaçu Park Show, na Avenida das Cataratas, KM 14, 8.100, em Foz do Iguaçu. Funciona de terça a domingo, das 10h às 17h. O ingresso custa R$ 42 no site da Viator.

16 – Vale dos Dinossauros

Esse é outro dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu administrado pelo grupo Dreams, assim como o bar de gelo e o Museu de Cera. Mais focado nas crianças, o Dino Adventure tem arvorismo e tirolesa. Além disso, claro, há várias réplicas de dinos, incluindo de tiranossauro e velociraptor, pelo local.

Ele fica na Avenida das Cataratas, KM 14, 8.100, em Foz do Iguaçu. A entrada custa R$ 60,20. Funciona de terça a domingo, das 10h às 18h.

17 – Super Carros

Se você é fã de carros, não pode deixar essa atração de fora ao decidir o que fazer em Foz do Iguaçu. Também no complexo Dreamland, o Super Carros tem cinema 9D, simuladores e veículos expostos para fotos. Mas, o mais legal parece ser o driver experience, em que os turistas podem dirigir Ferraris, Porsche e outras máquinas.

O Super Carros fica na Av. das Cataratas, KM14, 8100, em Foz do Iguaçu. Funciona diariamente das 10h às 18h.

18 – Marco das Três Fronteiras

A atração marca a Tríplice Fronteira, entre Brasil, Argentina e Paraguai. O Marco das Três Fronteiras é bem bonito para assistir ao pôr do sol e conta com show de dança retratando a cultura dos três países. O local abre diariamente, das 15h às 21h. O ingresso custa R$ 35.

Quem quiser aproveitar pode ir ao Restaurante Cabeza de Vaca. Além do jantar, parece uma boa opção para aproveitar a paisagem e tomar chopp artesanal (R$ 9,90 a tulipa de 300ml), caipirinha (a partir de R$ 14,90) e drinks (R$ 21,90).

19 – Compras em Puerto Iguazú ou Ciudad del Este ou no Freeshop

Separar um tempinho para fazer compras em Foz do Iguaçu pode ser um bom negócio. Pertinho, o freeshop da cidade argentina de Puerto Iguazú (Duty Free Puerto Iguazú) vale a pena a visita. Em primeiro lugar, porque dizem que esse é o maior freeshop da América Latina. O lugar é enorme, parece um shopping, e eu aproveitei para comprar maquiagem por lá. É possível comprar o transfer para o Duty Free de Shop Puerto Iguazú por R$ 20 na Civitatis.

Para quem quer comprar vinho, recomendo ir a Puerto Iguazú, na Argentina. Eu decidi não ir fazer compras no Paraguai durante a minha viagem para Foz do Iguaçu, mas muita gente atravessa a fronteira para Ciudad del Este. Uma das minhas cunhadas foi e achou uma perda de tempo. Portanto, não me arrependo. Por outro lado, muita gente gosta muito desse passeio. Tem inclusive um tour para Ciudad del Este que dura cerca de 6 horas e custa R$ 33,60.

Saiba os detalhes e as dicas de compras em Foz do Iguaçu e arredores.

20 – Parque aquático Blue Park

O parque tem a terceira maior praia termal do mundo e alguns brinquedos aquáticos. Segundo o site, a praia artificial tem 9 tipos de ondas, de até 1,20m de altura. Porém, algumas atrações ainda não foram inauguradas, como brinquedos especiais para bebês e crianças. O ingresso custa R$ 155.

Endereço: Rua Carlos Hugo Urnau, 756, Dona Amanda. Na alta temporada, funciona todos os dias, das 10h às 18h.

21 – Cachoeiras secretas de Iguaçu

Um dos pontos turísticos de Foz do Iguaçu menos explorados são as cachoeiras secretas da região. Esse é um passeio de meio período, então você pode combiná-lo com outras atrações no mesmo dia. Recomendo que sejam programinhas leves, já que cachoeiras cansam. O passeio custa R$ 200.

pontos turisticos de foz do iguacu cachoeira

Aventura nas cachoeiras de Foz. Foto: Viator

O que fazer em Foz do Iguaçu à noite

Cassino em Puerto Iguaçu

Na Argentina, os cassinos são permitidos. Então, quem quer conhecer um cassino perto de Foz do Iguaçu e apostar a sorte pode visitar o Casino Iguazú. São mais de 15 salas com máquinas tipo “caça-níqueis”, mesas de pôquer e Black Jack, roletas… As máquinas aceitam pesos, reais ou dólares.

Endereço: Ruta 12 km 1640 – N3370AWT, Puerto Iguazú. Funciona de meio-dia às 5h.

Madero Tango Iguazú

Dentro do Casino Iguazú abriu uma unidade da casa de shows de tango Madero Tango, a mesma famosa em Buenos Aires. Você começa com um jantar nela. Em seguida, assiste a um show de tango com bailarinos e orquestra ao vivo.

Rafain Churrascaria Show

O show folclórico com bailarinos e música desse restaurante promete retratar oito países da América Latina. Já o jantar é em um buffet com mais de 200 opções e preço fixo. Dá para reservar no site da Viator. Com transfer, a experiência sai a partir de R$ 160.

Show de luzes em Itaipu

O espetáculo de luzes na Usina de Itaipu é uma das atrações em Foz de Iguaçu para serem desfrutadas à noite. O show conta com luzes, pirotecnia, água e música. O passeio com transfer e ingresso sai por R$ 103 na Civitatis.

pontos turisticos de foz do iguacu a noite

Show de luzes em Foz. Foto: Civitatis

Conhecer Puerto Iguazú e jantar lá

Se você está hospedado em Foz do Iguaçu, vai acabar descobrindo que os melhores restaurantes estão no outro lado da fronteira. Vale a pena ir jantar em Puerto Iguazú, na Argentina. Lá, você vai encontrar restaurantes especializados em carne e que oferecem o verdadeiro churrasco argentino. Uma delícia.

Saiba todos as recomendações de restaurantes em Puerto Iguazú. Aliás, em vez de ficar dependendo de táxi, uma alternativa bacana é ir com transfer da Viator.

Pontos turísticos de Foz do Iguaçu: o que é de graça?

O templo budista e a mesquita são os pontos turísticos gratuitos de Foz do Iguaçu. Pode parecer pouco, mas gosto de lembrar que as atrações não são caras. O imperdível Parque Nacional do Iguaçu custa R$ 47. Além disso, as diárias em hotéis não são caras e é fácil andar de transporte público em Foz.

O que fazer em Foz do Iguaçu com chuva

O principal ponto turístico de Foz de Iguaçu pode ser visitado em dias de chuva. Afinal, você irá sair molhado das Cataratas do Iguaçu de qualquer jeito, em função dos muitos respingos das quedas d’água.

Além disso, bar de gelo, museu de cera, mesquita, Ecomuseu e Super Carros também podem ser aproveitados mesmo em dias de chuva.

Pontos turísticos de Foz do Iguaçu: Conclusão

Em conclusão, há muito mais o que fazer em Foz do Iguaçu do que você imaginava. A cidade tem atrações para casais, famílias com filhos e idosos, além de viajantes sozinhos ou em grupos de amigos. Eu, por exemplo, fui sozinha para Foz e me diverti bastante. Por lá, não é necessário gastar muito e você pode andar de transporte público para várias das atrações.

E você, tem mais dicas de pontos turísticos de Foz do Iguaçu? Qual o seu preferido? Escreva nos comentários!

Leia também:

Comentários

  1. adelia
    31 out 2014

    Que legal !
    Já decidi que está será minha próxima viagem.

  2. Paolla
    03 ago 2015

    Olá, Marcele!! Adorei conhecer este blog, suas dicas são divinas.

    Fiquei sabendo que a visita pelo lado Paraguaio é gratuita. Vc tem algo a dizer sobre isso? Sabe se é verídica a informação?
    Obrigada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *